Polícia Civil incinera mais 80 quilos de drogas em Mossoró

05/12/2019

Entorpecente foi incinerado em uma fábrica localizada às margens da BR 304

Policiais Civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) de Mossoró, localizada na região Oeste potiguar, incineraram mais de 80 quilos de drogas que foram apreendidas na cidade de Mossoró e região na tarde desta quarta-feira (4). Na ocasião, também estiveram presentes representantes do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), Ministério Público e da Vigilância Sanitária. Segundo dados da Polícia Civil, com a ação de hoje, chega-se a 565 kg de drogas incineradas em 2019, até o momento.

A ação resultou na destruição de entorpecentes apreendidos em 166 processos de inquéritos e Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs), instaurados em quatro delegacias (Denarc, Delegacia Regional e da Divisão de Polícia do Oeste – Divipoe, Delegacia Especializada em Atendimento a Adolescente Infrator – DEA e Delegacia Municipal de Assú). Todo o material entorpecente foi incinerado em uma fábrica de beneficiamento de castanha, localizada às margens da BR 304. Portal No Ar.

Comente

Moro comemora aprovação do pacote anticrime na Câmara

05/12/2019

Texto segue agora para o Senado

Por Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, comemorou na noite de ontem (4), em sua conta pessoal no Twitter, a aprovação do projeto de lei do pacote anticrime na Câmara dos Deputados. O texto segue agora para o Senado.

No Twitter, Moro escreveu que houve “avanços importantes” e deu “congratulações aos deputados”, citando que o projeto unifica o texto enviado pelo governo federal com as propostas do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes. Entretanto, para o ministro, “há necessidade de algumas mudanças no texto”. “Continuaremos dialogando com CN, para aprimorar o PL”.

O ministro destacou, entre os pontos do projeto aprovado na Câmara, a “proibição de progressão de regime ao membro de crime organizado, execução imediata dos veredictos do Júri, agente policial disfarçado, regras mais duras de cumprimento de penas para condenados por crimes hediondos com resultado morte”.

 

Comente

Seguro DPVAT indenizou 2,3 mil potiguares por invalidez permanente em 2019

05/12/2019

Todos eram pedestres que ficaram com alguma sequela

O Seguro Obrigatório DPVAT indenizou, de janeiro a outubro deste ano, 2.319 pessoas que circulavam a pé no momento em que foram envolvidas em algum acidente automobilístico no Rio Grande do Norte e ficaram com invalidez permanente. Em todo o Brasil foram mais de 68 mil pessoas indenizadas nestas circunstâncias, representando 77% do total de pagamentos destinados a vítimas pedestres.

“As pessoas que circulam a pé são o segundo tipo de vítima mais atingida por sequelas permanentes após um acidente de trânsito. Esta realidade alerta para a importância da utilização da faixa de pedestre e atenção ao semáforo. Mas, além disso, os condutores de veículos também têm atuação na prevenção destas ocorrências. É essencial que respeitem o limite de velocidade das vias, não estacionem em cima da faixa, nem avancem os sinais. A segurança no trânsito é um dever de todos nós”, explica Arthur Froes, superintendente de Operações da Seguradora Líder.

As motocicletas foram responsáveis pela maioria dos acidentes com sequelas definitivas envolvendo pedestres, somando mais de 48 mil pagamentos. Na sequência, estão os automóveis (16.123); caminhões e pick-ups (2.739); ônibus, micro-ônibus e vans (1.423); e ciclomotores (313). “A indenização do seguro obrigatório representa uma reparação social para todas as vítimas de acidentes de trânsito, inclusive para quem não possui um veículo”, complementa o superintendente.

Portal No Ar.

Comente

Pedra Grande: Eleição pra Prefeito do Próximo Ano já Começa a Tomar Rumo Com a União do Enfermeiro Leomar e o Ex Prefeito Marcão e Sua Esposa Luciene.

04/12/2019

Rumo a Eleição 2020 em Pedra Grande com o Apoio de Deus e do Povo.

Ex Prefeito Marcão Sua Esposa Luciene e o Enfermeiro Leomar. todos Juntos em Prol da População Pedragrandeses.

Campanha de Pedra Grande pode ser definida com a União do Enfermeiro Leomar e Luciene Tinoco, mulher do ex- prefeito Marcão. [3/12 22:13] Leomar PG: Com a provável União que se comenta nos quatro cantos da cidade de Pedra Grande, a eleição será definida com a União da ex-primeira dama de Pedra Grande e o Enfermeiro Leomar contra o alto índice de rejeição do candidato do prefeito. 

Comente

Polícia é recebida a tiros em Mãe Luíza e apreende drogas, coletes à prova de balas e placas de carro em Natal

04/12/2019

Duas viaturas foram atingidas por disparos. Ação aconteceu no final da tarde desta terça-feira (3), na Zona Leste da capital potiguar.

Inter TV Cabugi

Coletes à prova de balas, placas de carros, videogame, televisão, porções de drogas e roupas camufladas apreendidas pela PM — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Coletes à prova de balas, placas de carros, videogame, televisão, porções de drogas e roupas camufladas apreendidas pela PM — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Após serem recebidos a tiros em Mãe Luíza, Zona Leste de Natal, no fim da tarde desta terça-feira (3), policiais militares apreenderam drogas, carregadores de pistolas, coletes à prova de balas e placas de carros em uma operação que terminou durante a noite.

Moradores que não quiseram se identificar relataram ter ouvido ao menos 10 tiros. Duas viaturas da PM foram atingidas por disparos.

De acordo com um militar que não quis se identificar, a polícia recebeu denúncia de atuação de criminosos em dois imóveis no bairro. "Uma casa seria usada para tráfico de drogas e em outra estaria uma quadrilha especializada em roubo de veículos. Chegamos lá e não tinham moradores. Mas aparentava que pessoas tinham saído de lá há pouco tempo", contou o PM.

Dentro das duas casas, policiais encontraram e apreenderam carregadores de pistola, balanças de precisão, duas porções de cocaína, 62 papelotes de maconha, armas de fogo, coletes à prova de balas e munições de armas intactas. Os militares também apreenderam roupas camufladas, seis placas de carros, televisões e um videogame.

Comente

Criminoso é imobilizado e preso após vítima reagir a tentativa de assalto em Natal

04/12/2019

Caso aconteceu na noite desta terça-feira (3) no bairro Dix-Sept Rosado.

nter TV Cabugi

Criminoso foi levado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil, na Zona Sul de Natal — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Criminoso foi levado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil, na Zona Sul de Natal — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Um homem de 23 anos que tentou assaltar um motociclista foi preso na noite desta terça-feira (3) em Dix-Sept Rosado, Zona Oeste de Natal, após a vítima reagir e entrar em luta corporal com o suspeito. Depois de ser imobilizado, o criminoso quase foi linchado pela população.

Josenilson Alves de Souza, comerciante que reagiu ao assalto, disse que parou em um semáforo e foi abordado pelo criminoso que queria tomar o veículo. Ao tirar o capacete, foi agredido e percebeu que a arma não era de verdade. "Percebi pelo peso, quando ele me agrediu. Aí eu pensei que ele não iria levar minha moto com uma arma de brinquedo", contou.

O comerciante disse que recebeu ajuda de outros motociclistas que ajudaram a imobilizar o suspeito até a chegada da PM. Cláudia Ferreira, Sargento da Polícia Militar, confirmou que a arma era de brinquedo. "A gente não recomenda que as pessoas reajam e nem que a população agrida em casos como esse", falou. O criminoso foi levado para a Central de Flagrantes da Zona Sul de Natal.

Comente

Homem é morto a tiros enquanto dava comida a porcos em Mossoró

04/12/2019

Crime ocorreu na noite desta terça-feira, 3, em Mossoró, no Oeste potiguar; de acordo com a família, o homem havia saído para alimentar seus porcos

Irmão da vítima foi à sua procura e o encontrou morto com diversos ferimentos provocados por arma de fogo

Um homem foi morto a tiros enquanto colocava comida para seus animais, na noite desta terça-feira, 3, em Mossoró, no Oeste potiguar. A vítima tinha uma criação de porcos em um curral próximo à sua residência.

De acordo com a família, o homem saiu para alimentar seus porcos por volta das 18h. Preocupado com a demora, o irmão da vítima foi à sua procura e o encontrou morto com diversos ferimentos provocados por arma de fogo.

A polícia segue em busca dos suspeitos e o que poderia ter motivado o crime.Agora RN.

Comente

Carreta carregada de manga tomba e obstrui trânsito na BR-304, no RN

04/12/2019

Acidente aconteceu na manhã desta quarta-feira, 4, em Itajá, na região Oeste potiguar

Veículo tomou conta de duas faixas, dificultando a passagem dos carros

Uma carreta com um carregamento de mangas tombou no quilômetro 122, da BR-304, no município de Itajá, região Oeste potiguar, na manhã desta quarta-feira, 4. O veículo tomou conta de duas faixas, dificultando a passagem dos carros, que precisaram passar pelo acostamento.

De acordo com o inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Roberto Cabral, até as 8h a carreta, que seguia sentido Mossoró/Natal, ainda não havia sido retirada da pista, mas uma equipe já estava a caminho do local. Apenas carros de pequeno porte estão transitando pela pista.

O condutor do veículo teve ferimentos leves e a PRF ainda irá apurar o que poderia ter ocasionado o acidente. Agora RN.

Comente

TSE reconhece assinaturas eletrônicas para criação de partidos

04/12/2019

Decisão pode impactar na criação do Aliança pelo Brasil, de Bolsonaro

Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nessa terça-feira (3) reconhecer assinaturas eletrônicas para formalizar a criação de partidos políticos. A decisão pode ter impacto na criação do Aliança pelo Brasil, novo partido do presidente Jair Bolsonaro, que pretende agilizar o processo de obtenção de registro do partido por meio de certificados digitais.

Apesar da decisão, não há prazo para que a Justiça Eleitoral possa criar aplicativos e programas de computador para efetivar a decisão, que ainda precisará ser regulamentada para passar a ter validade. Segundo a presidente do TSE, Rosa Weber, as soluções não estarão prontas para as eleições municipais de 2020.

O julgamento foi motivado por uma consulta apresentada no ano passado pelo deputado federal Jerônimo Goergen (PP-RS). O parlamentar pediu que o tribunal responda a seguinte pergunta: “Seria aceita a assinatura eletrônica legalmente válida dos eleitores que apoiem dessa forma a criação de partidos políticos nas listas e/ou fichas expedidas pela Justiça Eleitoral?”

Novos partidos
Para a criação de partidos políticos, um dos requisitos exigidos é a apresentação de fichas de apoiamento de eleitores, cuja autenticidade das assinaturas em papel é feita pela Justiça Eleitoral.

Por 4 votos a 3, o tribunal seguiu voto do ministro Luís Felipe Salomão. Segundo o ministro, o setor técnico do tribunal informou que há viabilidade técnica para desenvolver os aplicativos necessários para implementar a medida. Salomão também afirmou que o uso da assinatura digital trará mais segurança na conferência, que é feita manualmente pela Justiça Eleitoral. O voto foi acompanhado pelos ministros Tarcísio Vieira, Sergio Banhos e Luís Roberto Barroso.

“No cenário jurídico inexiste óbice à certificação digital de assinaturas. A adoção dessa sistemática é viável”, disse Salomão.

Barroso também votou a favor das assinaturas eletrônicas, mas ponderou que a efetivação da medida depende de regulamentação pelo TSE e do desenvolvimento dos aplicativos e sites, que ainda não tem prazo para ocorrer.

“Vai que a gente não consegue desenvolver essa ferramenta? disse Barroso.

O relator do caso, ministro Og Fernandes, ficou vencido por entender que o apoio por meio eletrônico não pode ser aceito por não estar previsto em lei ou nas regras do TSE. Edson Fachin e a presidente, Rosa Weber, acompanharam o relator.

Rosa Weber disse que o tribunal não tem recursos para verificar a autenticidade das assinaturas que serão entregues pelos partidos.

Comente

Homem é preso com 20 kg de maconha em Acari

04/12/2019

Droga estava sendo transportada por um homem de 27 anos, condutor de um veículo modelo Classic

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 20 kg de maconha, na tarde desta terça-feira (3), no Km 40 da BR 427, em Acari, município do Seridó potiguar. A droga estava sendo transportada por um homem de 27 anos, condutor de um veículo modelo Classic.

Segundo a PRF, durante a abordagem o rapaz falou que reside na Zona Norte de Natal e que levava a droga para o município de Caicó. Disse ainda que era formado em Recursos Humanos, estava desempregado e que iria receber a quantia de mil reais pelo serviço.

Diante do flagrante, o homem foi preso e encaminhado, com o entorpecente, à Delegacia de Polícia Civil da cidade de Acari.

Fonte Portal No Ar.

Comente

Fundo público eleitoral tem previsão de R$ 3,8 bilhões

04/12/2019

Valor é R$ 1,8 bilhão superior à proposta encaminhada pelo governo

O Congresso deve dobrar o valor do fundo eleitoral proposto pelo governo de Jair Bolsonaro. O relator do projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2020, deputado Domingos Neto (PSD-CE), finalizou a proposta nesta terça-feira, 3, e destinou R$ 3,8 bilhões de recursos públicos para gastos em campanhas eleitorais no ano que vem. O valor é R$ 1,8 bilhão superior à proposta encaminhada pelo governo, que foi de R$ 2 bilhões.

O aumento de aproximadamente 120% do montante desembolsado nas eleições do ano passado, quando os partidos receberam R$ 1,7 bilhão da União, foi objeto de acordo entre quase todos os partidos da Câmara dos Deputados. Apenas Cidadania, Novo, Rede, Podemos e PSOL se posicionaram contra o aumento. Reservadamente, líderes partidários afirmaram ao jornal O Estado de S. Paulo que a proposta do governo era inviável.

O fundo eleitoral é alimentado com dinheiro do Tesouro e se destina ao financiamento das campanhas dos candidatos. Foi criado em 2017 para compensar as perdas impostas por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que dois anos antes, em 2015, proibiu doações de pessoas jurídicas.

A distribuição da verba para candidatos fica a critério das cúpulas partidárias, que, em geral, privilegiam políticos com mandato. Existe, ainda, o Fundo Partidário, que banca atividades do dia a dia das legendas.

O projeto que está sendo discutido agora ainda depende da aprovação dos parlamentares, mas a maioria dos líderes atua para que a quantia destinada ao fundo eleitoral seja a proposta por Domingos Neto.

Como mostrou o jornal, o presidente do PSD, Gilberto Kassab, secretário licenciado da Casa Civil no governo de João Doria (PSDB), e o deputado Paulinho da Força (SP), que comanda o Solidariedade, lideram essa articulação.

O valor final do fundo ainda precisa ser votado pela Comissão Mista de Orçamento e pelo Congresso. O relator afirmou que os recursos extras virão da receita adicional aprovada pelos parlamentares, de R$ 7 bilhões, com base no pagamento de dividendos das empresas estatais. Domingos Neto assegurou que nenhum recurso da saúde ou educação será transferido para essa finalidade.

Guedes

Desde o início das negociações do Orçamento, a equipe do ministro da Economia, Paulo Guedes, era contra elevar a verba para o financiamento público das campanhas eleitorais. Antes mesmo de o Palácio do Planalto encaminhar o primeiro esboço do Orçamento, Guedes chegou a dizer a líderes que, por ele, só haveria a correção inflacionária em cima do valor pago na última eleição.

 

A vontade do ministro da Economia ficou no caminho e já na primeira proposta o governo apresentou nova cifra, aumentando o fundo para R$ 2,5 bilhões, com o objetivo de alimentar as campanhas eleitorais do ano que vem.

O valor, porém, caiu para R$ 2 bilhões após ser constatado erro no cálculo inicial feito pelo Ministério da Economia. Na ocasião, o partido Novo já havia apontado a falha.

Em setembro, durante a minirreforma eleitoral, o Congresso acabou com a vinculação obrigatória dos 30% das emendas no cálculo, abrindo brecha para que deputados e senadores aumentassem a quantia destinada a campanhas sem um critério definido. Este trecho da minirreforma foi vetado pelo presidente Bolsonaro, mas acabou sendo derrubado pelo Congresso na semana passada.

O líder do Novo, Marcel Van Hattem (RS), anunciou que vai tentar reverter a decisão. “É uma imagem que se passa para a sociedade muito ruim, num momento em que a gente continua numa crise. Não só mantiveram aquilo que está previsto como praticamente dobraram. Vamos tentar emendar e denunciar isso”, afirmou Van Hattem. Estadão Conteudo.

Comente

Polícia Civil apreende carro de suspeito de matar amigo em confraternização de jipeiros

04/12/2019

Crime aconteceu no sábado, durante uma confraternização do Litoral Jeep Clube na praia de Santa Rita

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) cumpriu, nesta terça-feira (3), dois mandados de busca e apreensão contra Ailton Berto da Silva, 50 anos, suspeito de ter matado Fantone Henry Filgueira Maia. Em um dos locais, foi apreendido o veículo, modelo L200 Triton, utilizado pelo assassino no momento da autoria do crime. O crime aconteceu no sábado (30), durante uma confraternização do Litoral Jeep Clube na praia de Santa Rita, localizada no município de Extremoz, Grande Natal.

Os dois mandados foram cumpridos em duas granjas, ambas em Extremoz. As ações policiais foram empreendidas com o objetivo de efetuar a prisão do homem que continua foragido da Justiça.

Caso

De acordo com a polícia, as investigações indicam que, durante um desentendimento com participantes da festa, Ailton Berto sacou uma pistola e efetuou diversos disparos, atingindo Fantone Henry e mais duas pessoas que estavam no local. Após o crime, o suspeito não foi localizado pela polícia.

Já existe um mandado de prisão temporária contra Ailton Berto da Silva, expedido pela Justiça, decorrente de um pedido apresentado pela DHPP. A Polícia Civil orienta que quem tiver informações que possam colaborar com a prisão dele ligue para o Disque-Denúncia 181, com garantia de sigilo.

Portal No Ar.

Comente

Lei determina que empresas que recebem incentivos fiscais do Estado assegurem vagas para negros e indígenas no RN

03/12/2019

Lei foi publicada nesta terça-feira (3) no Diário Oficial do Rio Grande do Norte.

Empresas que receberem incentivos fiscais do Governo do RN terão que reservar 15% das vagas de trabalho a candidatos negros e indígenas — Foto: Eduardo Ribeiro Jr./G1

Empresas que receberem incentivos fiscais do Governo do RN terão que reservar 15% das vagas de trabalho a candidatos negros e indígenas — Foto: Eduardo Ribeiro Jr./G1

O governador em exercício do Rio Grande do Norte, Antenor Roberto (PCdoB), sancionou nesta terça-feira (3) uma lei estadual que assegura vagas para negros e indígenas em empresas privadas que recebam incentivos fiscais do Governo do RN. Com a medida, as empresas que tem mais de 100 funcionários deverão reservar 15% das vagas de trabalho a candidatos que se declaram negros e indígenas.

A Lei Estadual nº 10.629/2019 foi publicada no Diário Oficial do Estado nesta terça e vai afetar empresas que aderirem aos planos de incentivos a partir da data. De acordo com o texto, as beneficiadas deverão criar programas internos para coibir atos de discriminação racial no trabalho. Caso não cumpram as medidas, podem perder direito aos benefícios.

De acordo com Danilton César Gomes da Silva, advogado trabalhista, a medida não fere a Constituição Federal uma vez que não inferfere na legislação sobre a matéria trabalhista, que compete à União. "O Estado não interfere nas relações de trabalho. Ele apenas cria uma contrapartida ao incentivo que vai dar", ressaltou.

De acordo com Edmilson Lopes, sociólogo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), a iniciativa do governo é um acerto em relação à inclusão social. "Talvez não seja fácil a implementação dessas medidas, mas é positivo", afirmou.

Dados do do último censo do Instituto Brasileiro de Geografia Estatítica (IBGE) apontam que dos 3.168.027 moradores do estado, 166.090 pessoas que se declaram pretas, 2.597 habitantes se autodeclaram indígenas e 1.662.645 pardos.

O sociólogo acredita ser difícil que as empresas não tenham a participação dessas pessoas no quadro de funcionários. "De certo modo, é muito difícil que as empresas não tenham a participação dessa população em seu quadro de funcionários, mas colocar esse assunto em discussão é interessante", afirmou. G1RN.

Comente

Anvisa libera registro e comercialização de remédios à base de maconha

03/12/2019

Norma entrará em vigor em 90 dias

 
 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, nesta terça-feira, 3, por unanimidade, a regulamentação do registro e da venda de medicamentos à base da maconha em farmácias e drogarias no Brasil. A norma entrará em vigor em 90 dias e, segundo a agência, deve melhorar a vida de milhões de pacientes que dependem de medicamentos a base de cannabis.

Os diretores da Anvisa iniciaram, ainda pela manhã, uma segunda votação, que discute a liberação do plantio da maconha no território Brasileiro para uso medicinal.

A decisão da Anvisa cria uma nova classe de produtos no mercado de medicamentos do Brasil: a de produtos à base de cannabis, termo que vem sendo utilizado internacionalmente. O proposta aprovada enumera os requisitos necessários para a regularização dos medicamentos à base de maconha no País, estabelecendo parâmetros de qualidade.

A Resolução da Diretoria Colegiada (RCD) deverá passar por uma reavaliação em até três anos. Segundo a proposta aprovada pela agência, as empresas não devem abandonar as pesquisas de comprovação de eficácia e segurança das formulações, uma vez que as propostas para produtos à base de cannabis se assemelham aos procedimentos dos medicamentos tradicionais.

O regulamento agora aprovado exige que a empresa interessada em fabricar medicamentos à base de maconha tenha autorizações de funcionamento específicas, além de certificado de boas práticas de fabricação emitido pela Anvisa.

A proposta aprovada prevê que os medicamentos à base de cannabis devem ser vendidos exclusivamente em farmácias ou drogarias (mediante a apresentação de receita médica). Os fabricantes que optarem por importar o substrato da cannabis para fabricação do produto deverão, segundo a Anvisa, realizar a importação da matéria prima semielaborada. Ou seja, a empresa não pode importar a planta ou parte dela.

Comente

Policiais penais do RN acampam em frente à Governadoria nesta quarta

03/12/2019

Categoria cobra do governo estadual o envio, à Assembleia Legislativa, da reforma estatutária construída na Comissão de Negociação, elaborada pelo própri

Os policiais penais do Rio Grande do Norte – novo nome dado aos agentes penitenciários a partir da promulgação da Emenda Constitucional 104/2019 – iniciam um novo movimento nesta quarta-feira, 4, com acampamento em frente à Governadoria, no Centro Administrativo do Estado.

É a deflagração da “Operação Segurança Acima de Tudo”, que será realizada em todas as unidades prisionais. Com isso, apenas serviços essenciais serão realizados a partir de então nas unidades, como fornecimento de alimentação, urgências médicas, cumprimento de alvará e prerrogativas advocatícias.

A categoria cobra do governo estadual o envio, à Assembleia Legislativa, da reforma estatutária construída na Comissão de Negociação, elaborada pelo próprio governo.

“Os policiais penais da Grande Natal devem se concentrar em frente à Governadoria, no Centro Administrativo, em Natal, a partir das 9h, para iniciarmos acampamento. Continuaremos lá até que tenhamos uma resposta do governo”, reforça Vilma Batista. Agora RN.

Comente

Karatê: Projeto Social tem 100% de aprovação em graduação dos alunos

03/12/2019

Parabéns a Todos.

No último sábado, dia 30 de Novembro, foi realizado o exame de faixa do Projeto Social Karatê para Juventude - PSKJ, amparado pela Associação Nagashima de Karatê - ANAKA. Na avaliação 13 karatecas foram aprovados. Esses jovens fazem parte de um projeto social que busca através do Karatê: inclusão social, educação e disciplina. Os alunos foram avaliados por uma banca composta pelo Presidente da FPK (Federação Potiguar de Katatê), Júlio César, e atletas da Seleção Potiguar de Karatê: Luiz Antônio, Wallace Jonathan e Carlito.

 

Os professores: Martins, Francisco e Émerson parabenizam a todos os alunos pelo desempenho e agradece aos pais e colaboradores pelo apoio.

 

O projeto conta com mais de 30 crianças e adolescentes beneficiados com aulas gratuitas de Karatê todas as segundas, quartas e sextas na ACAPORD.

Comente

Pastor diz que empresário doou R$ 22 mil para colocar telas de proteção contra suicídios Ponte Newton Navarro

03/12/2019

Voluntários do grupo Sentinelas de Cristo, de acordo com o pastor Rubens, começaram a instalar as redes nos dois lados da estrutura.

Líder do grupo Sentinelas de Cristo, que montou um acampamento contra os suicídios na Ponte Newton Navarro, usou seu perfil no Facebook, nessa segunda-feira (02), para anunciar uma atitude louvável: um empresário doou cerca de R$ 22 mil para a instalação de redes de proteção contra suicídios.

Segundo o religioso, que coordenou os voluntários na ponte, o empresário potiguar se sensibilizou com caso que teve grande projeção nacional após o PORTAL NO AR divulgar o trabalho deles. O homem em questão não teve a identidade revelada, no entanto, com sua doação, as redes já começaram a ser instaladas nos dois lados da estrutura de forma que dificulte a ação de pessoas com pensamentos suicidas.

“Mais um empresário sensibilizado com a situação dos suicídios na Ponte Newton Navarro , faz doação de 22.000 mil reais para colocação de uma rede provisória de proteção, ajudando assim os Sentinelas de Cristo a salvarem vidas”, escreveu o pastor na publicação.

Em live na mesma rede social, o pastor Rubens falou sobre a luta para conseguir as telas de proteção que têm dois metros de altura sobre a Ponte Newton Navarro. Portal Noar.

Comente

Depois de novo aumento, litro da gasolina chega a R$ 4,99

03/12/2019

A partir desta quarta, preço do diesel também será reajustado

O preço da gasolina aumentou mais uma vez e o litro já pode ser encontrado a R$ 4,99 nos postos de combustíveis. O aumento de 4% foi concedido pela Petrobras na semana passada.

Com o reajuste, provocado pela alta do dólar em relação à moeda brasileira, a gasolina está saindo a R$ 1,92 por litro nas refinarias. Outro combustível que também deverá subir o preço é o diesel.

Segundo a Petrobras, a partir desta quarta-feira (4),  o valor do óleo diesel será reajustado em 2%, assim como toda a cadeia do produto. O diesel marítimo vai subir 2,1% e os destinados às térmicas subirão 2,2% (S500) e 2% (S10).

A comercialização do preço do diesel abaixo da paridade internacional nas últimas semanas fez com que a Associação dos Importadores de Combustíveis (Abicom) reclamasse no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), na semana passada, alegando que o congelamento prejudica o mercado. Portal Noar.

Comente

Governo destina R$ 1,1 milhão para serviços do Hospital Infantil Varela Santiago

03/12/2019

Convênio foi assinado nesta terça-feira (3)

O Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), e o Hospital Infantil Varela Santiago, assinaram Termo de Convênio para apoio financeiro na manutenção da unidade, nesta terça-feira (3). O convênio é de R$ 1,150 milhão e o valor será destinado para aquisição de medicamentos, material hospitalar, nutrição parenteral, abastecimento de água e energia elétrica, contribuindo para qualificar a assistência ofertada às crianças potiguares.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, Cipriano Maia, o convênio traz a possibilidade de fortalecer a integração do Varela Santiago na rede de atenção às crianças do Estado. “O Governo reconhece esse serviço de qualidade e o nosso compromisso é de não só fortalecer o serviço público como apoiar e integrar os serviços filantrópicos de qualidade para que realmente façamos um atendimento de maior qualidade à população”, ressaltou.

A transferência dos recursos ocorrerá em cinco parcelas de R$ 230 mil. “O secretário Cipriano Maia nos afirmou que a primeira parcela entrará antes do final do ano. As subsequentes serão liberadas a partir da comprovação da aplicação da parcela anterior que realizaremos”, explicou o diretor da unidade Paulo Xavier.

Portal Noar.

Comente

Bolsonaro libera privatização de Iguaçu, Jericoacoara e Lençóis Maranhenses

03/12/2019

Decreto libera as três unidades de conservação federal

Estadão Conteúdo

Um decreto do presidente Jair Bolsonaro publicado nesta terça-feira (3), no Diário Oficial da União (DOU), libera a privatização de três unidades de conservação federal. Foram incluídos no Programa Nacional de Desestatização (PND) o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, no Maranhão; o Parque Nacional de Jericoacoara, no Ceará; e o Parque Nacional do Iguaçu, no Paraná.

O repasse dos parques para a iniciativa privada foram antecipadas pelo jornal O Estado de S. Paulo em maio.

Segundo o decreto, as unidades ficam incluídas no PND, para fins de concessão da prestação de serviços públicos de apoio à visitação, com previsão do custeio de ações de apoio à conservação, à proteção e à gestão.

No caso do Parque Nacional do Iguaçu, que abriga as Cataratas do Iguaçu, a visitação atualmente já é administrada por uma empresa privada, mas ela atua de forma subordinada ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que tem o controle da gestão.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômicos e Social (BNDES) poderá ser contratado para elaborar os estudos necessários às concessões e para apoiar as atividades de supervisão dos serviços técnicos e de revisão de produtos contratados.

Destinação econômica para unidades de conservação

Em maio, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, explicou que o objetivo das concessões é dar uma destinação econômica para as unidades de conservação.

“Você pode fazer o discurso mais bonito do mundo sobre o meio ambiente, mas, se não dermos uma mais-valia econômica para as unidades de conservação, estaremos sempre a reboque do orçamento federal”, disse Salles, na ocasião.

Questionado sobre o modelo de concessão, o ministro disse que a ordem é repassar às empresas tudo o que for possível, mantendo o mínimo sob a alçada do governo.

O plano do governo era também incluir o Parque Aparados da Serra, no Rio Grande do Sul, na lista de concessões. Neste caso, porém, a ideia é fazer “oferta em bloco”, reunindo em um mesmo pacote as unidades de Serra Geral, São Francisco de Paula e Canela.

Comente