Maia espera que Câmara aprove reforma da Previdência até junho

08/02/2019

Presidente da Câmara enfatizou que a medida terá prioridade no plenário em relação ao projeto anticrime apresentado pelo ministério da Justiça e Seguran

 

Rodrigo Maia declarou que o desafio do governo será comunicar de forma eficaz os pontos da proposta da reforma
 
 

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reforçou expectativa de que a Casa aprove a reforma da Previdência até junho. A proposta ainda não foi encaminhada pelo governo e espera a recuperação do presidente Jair Bolsonaro, internado no Hospital Albert Einstein, para ter seu conteúdo fechado. Maia enfatizou que a medida terá prioridade no plenário em relação ao projeto anticrime apresentado pelo ministério da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.

“São projetos importantes que eu espero que a Câmara tenha discutido os dois e aprovado a Previdência até junho e, depois, a possibilidade de avançar com o outro projeto no plenário já tendo terminado o debate nas comissões temática”, disse Maia, para quem uma proposta não atrapalha a outra.

Ele enfatizou que a reforma da Previdência terá de passar pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e por uma comissão especial na Câmara antes de ir ao plenário. Para o deputado, seguir o regimento é necessário para evitar que a medida seja judicializada. O deputado evitou comentar pontos específicos que estão sendo discutidos. “Não tenho como te responder qual é a temperatura porque não sei qual é a matéria que vai chegar. Não sei como o governo vai comunicar”, disse Maia, após reunião com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), no Palácio dos Bandeirantes.

Na avaliação de Maia, vazamentos de pontos da proposta do governo podem atrapalhar a votação. “Ficar discutindo sobre hipóteses não parece a coisa adequada porque, às vezes, se cria uma comunicação errada sobre temas podem não existir e podem contaminar a votação da matéria como aconteceu muitas vezes no processo da votação da Previdência do governo anterior.”

PEC da Previdência e projeto dos militares podem ser votados na mesma semana
O presidente da Câmara também afirmou que a emenda constitucional da reforma da Previdência e o projeto de alteração na aposentadoria dos militares poderão tramitar paralelamente na Casa. De acordo com ele, a votação das duas propostas no plenário poderá ocorrer “uma em uma semana, outra na outra ou na mesma semana, uma na terça outra na quarta”.

Conforme o Estado revelou, as Forças Armadas aceitaram participar da reforma da Previdência e já têm pontos de acordo com o Ministério da Economia para endurecer as regras de concessão de benefícios aos militares da reserva e também pensionistas.

A ideia do governo é enviar as mudanças do sistema geral através de uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) e as alterações dos militares em um projeto de lei ordinária. Maia acredita, no entanto, que a segunda proposta deveria ser encaminhada como lei complementar. A lei ordinária exige apenas maioria simples de votos para ser aceita; já a lei complementar exige maioria absoluta para aprovação.

Desafio será comunicação
Prevendo ruídos na discussão da reforma, Rodrigo Maia declarou que o desafio do governo será comunicar de forma eficaz os pontos da proposta para diminuir o efeito da oposição de corporações contrárias à mudança do sistema de aposentadorias.

“Nosso problema nunca é o mérito. O mérito, sendo explicado sem ruído, mas a gente sabe que vai ter ruído, ele passa com muita facilidade”, disse. Para Maia, assim que o governo encaminhar a proposta ao Congresso, precisará explicar à sociedade os pontos e os benefícios da reforma para o Brasil.

Ele evitou se manifestar sobre pontos da proposta que já foram divulgados. Maia defendeu, no entanto, que o período de transição seja mais curto se for apresentada uma idade mínima de aposentadoria menor do que 65 anos. “Idade mínima menor, transição mais dura. Idade mínima maior, você pode fazer uma transição um pouco menos severa. Então a questão é numérica, não tem muito mistério na questão da Previdência, é fazer conta. Você reduz de um lado, vai ter que endurecer do outro. Isso aí não tem jeito”, declarou.

Comente

Fiscalização de tráfico no porto é atividade padrão, diz Codern

08/02/2019

Órgãos federais realizaram hoje uma operação no Porto de Natal

 

A Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern) emitiu uma nota esclarecendo sobre a operação que foi realizada de ontem (7) para hoje no Porto de Natal. Segundo a nota, a fiscalização ocorreu apenas no âmbito operacional e se trata de uma atividade padrão realizada em todos os portos do país.

Confira a Nota.

A Fiscalização que está ocorrendo no Porto de Natal pela Receita Federal e Polícia Rodoviária Federal teve início na quinta-feira (7). Não envolve nada da parte administrativa, apenas a parte operacional. É uma atividade padrão que vem sendo feita em todos os portos do Brasil. Inclusive, ocorre simultaneamente também no Ceará. Para maiores informações buscar a assessoria dos órgãos que estão realizando a vistoria”.

A Receita Federal (RFB) e as Polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF) realizam a investigação e fiscalização de tráfego de drogas, evasão de divisas e descaminho de mercadorias e não tem data para concluir. Trata-se de uma operação padrão de vigilância da Receita para verificar as condições de alfandegamento, que envolvem questões técnicas, operacionais e de segurança do Porto.

 

Comente

Operação desarticula quadrilha que assaltou banco em Macaíba

08/02/2019

Ataque ao Banco do Brasil foi realizado em 12 de julho de 2018

 

Novo cangaço. Assim a Polícia Civil do Rio Grande do Norte definiu o modo de ação de uma quadrilha especializada em roubos a bancos em estados do Nordeste. Nesta sexta-feira (8), foi deflagrada a Operação Ariús, após sete meses de investigações. Ao todo, 15 integrantes do grupo criminoso foram identificados.

Desses, segundo o delegado Erick Gomes, titular da Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deicor), 11 foram detidos, dois são adolescentes e outros dois ainda estão foragidos. As apurações começaram um dia após ao assalto ao cofre central e aos caixas eletrônicos do Banco do Brasil de Macaíba, na Grande Natal, em 12 de julho de 2018. No crime, a quadrilha conseguiu levar R$ 1,1 milhão.

Já no dia seguinte ao ataque, quatro suspeitos foram presos na Paraíba. Com eles, os policiais paraibanos encontraram armas e R$ 156 mil que haviam sido roubados no RN. “A base da quadrilha é toda na Paraíba. Nós tivemos apoio da Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande e de João Pessoa para ter êxito na investigação”, contou Gomes em entrevista coletiva.

Com a recuperação de apenas 10% do total do dinheiro roubado, o delegado acredita que os homens utilizaram o resto do valor também para comprar novas armas e mais drogas. “Como é de praxe, devem ter comprado novos fuzis, munições, explosivos e drogas”, comentou.

Dos 13 detidos na operação Ariús, sete já estavam em presídios na Paraíba, outros dois em presídios federais. Entre os menores, um deles é de Macaíba. O outro é filho de um dos principais nomes da quadrilha.

No ataque à agência bancária na Grande Natal, os criminosos ainda atiraram contra a base da Polícia Militar, queimaram carros e ainda espalharam grampos nas ruas para impedir a ação policial. Fonte Portal Noar.

Comente

Governo estuda plano onde trabalhadores abrem mão de férias e 13º

08/02/2019

13º Salario

 

© Fornecido por Local News RSS PT-BR

O governo de Jair Bolsonaro (PSL) estuda plano de incluir na Reforma da Previdência – que é conduzida pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes – um dispositivo que permitiria que trabalhadores abram mão no ato da contratação de direitos como férias, FGTS e 13º salário, como aponta matéria do O Globo.

Como a reportagem explica, esses direitos são considerados cláusula pétrea, não podendo o estado acabar com eles. A alternativa encontrada pelo governo seria dar condições para que o próprio empregado opte por abrir mão deles, ficando de fora da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

A base legal que será usada para isso é a reforma trabalhista, vigente há pouco mais de um ano, que permite que o acordo entre patrão e funcionário prevaleça sobre o legislado.

A intenção do governo com esse plano seria reduzir encargos para empregadores e estimular a geração de emprego, especialmente para os jovens, que também devem ser enquadrados no modelo de capitalização, no qual cada trabalhador contribui para sua própria aposentadoria.

 

Comente

"A governadora precisa respeitar os servidores e pagar os salários atrasados”, diz o presidente do PSL

08/02/2019

Respeito pelos Funcionarios do Estado.

 

O presidente estadual do Partido Social Liberal (PSL), Coronel Hélio Oliveira, juntamente com o secretário-geral do partido, General Araújo Lima, concedeu entrevista ao programa Cidade Notícias, da 94FM, nesta quinta-feira (7). Na ocasião, o presidente da legenda no Rio Grande do Norte abordou o atraso dos salários dos servidores do Estado e criticou a não-utilização do saldo financeiro obtido pelo Governo Estadual para o pagamento dos débitos com o funcionalismo.

O presidente lembrou que há um desencontro entre os números divulgados pelo governo e exibidos no Portal da Transparência. “A governadora tem que entender que ela governa para toda a população e representa o Estado. Os débitos da gestão passada são da responsabilidade dela e precisam ser colocados em dia da forma que for possível. O que não dá é para fazer caixa com o dinheiro devido do funcionalismo e pagar os meses atuais como se os anteriores fossem deixados para lá. A governadora precisa respeitar os servidores e pagar os salários atrasados”, pontuou Coronel Hélio.

Questionado sobre a relação dos governos Federal e Estadual, no caso do Rio Grande do Norte, uma vez que as ideias pregadas por ambos são nitidamente opostas. “Ao longo do Governo Bolsonaro vai ficar muito claro que ele é um homem de Estado e, não, de Governo ou de partido. Recentemente nós tivemos em Brasília e levamos, junto conosco, algumas pessoas responsáveis por áreas de excelência no nosso Estado e, muitas vezes, pouco reconhecidas. O Professor Ricardo Valentim, do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS), foi um deles. Percorremos vários Ministérios e, em nenhum momento, foi perguntado qual o partido destas pessoas ou a ideologia que seguiam porque o que interessava era o que ele estava trazendo de bom para o Governo Bolsonaro”, recordou o secretário-geral do PSL, que também abordou a expansão do Partido no Rio Grande do Norte e a preparação para as eleições de 2020. 

Comente

Mulher fica presa às ferragens de carro após acidente na Zona Norte de Nata

08/02/2019

Motorista foi retirada do veículo pelo Corpo de Bombeiros e socorrida ao pronto-socorro Clóvis Sarinho. Caso aconteceu na manhã desta sexta-feira (8) na aven

Por G1 RN

Acidente aconteceu na manhã desta sexta-feira (8) no cruzamento das avenidas Moema Tinoco e João Medeiros Filho — Foto: Mauricio Filho

 

 

Acidente aconteceu na manhã desta sexta-feira (8) no cruzamento das avenidas Moema Tinoco e João Medeiros Filho — Foto: Mauricio Filho

 

Uma mulher ficou ferida após um acidente que aconteceu na manhã desta sexta-feira (8) no cruzamento da avenida João Medeiros Filho com a avenida Moema Tinoco, no sentido ao bairro Igapó, na Zona Norte da capital. A vítima ficou presa às ferragens e só foi tirada do local com o trabalho do Corpo de Bombeiros. As informações são do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE).

De acordo com o sargento Stênio Varela de lima, o acidente aconteceu por volta das 7h. A motorista do carro modelo Ka vinha da Redinha no sentido a Igapó, quando outro veículo, uma caminhonete L200, que vinha no sentido oposto, fez uma conversão à esquerda. Foi quando houve o choque.

Com a batida, a mulher ficou presa dentro do veículo. Ela foi tirada das ferragens do carro pelo Corpo de Bombeiros e levada ao pronto-socorro Clóvis Sarinho, na Zona Leste da capital, pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

O motorista do outro carro não precisou de atendimento, segundo o CPRE. "Ele permaneceu no local e estava nervoso, pela situação, mas está bem", avaliou o sargento.

Ainda de acordo com o sargento, a motivação do acidente ainda vai ser apurada. "A conversão no local é permitida. O que vai ser apurado é qual dos dois ultrapassou o sinal vermelho. Testemunhas serão ouvidas", informou.

Comente

Polícia Civil deflagra Operação Atlas em Santa Cruz

08/02/2019

Ação prendeu três homens e uma mulher

 

Nessa quinta-feira (7), a 9ª Delegacia Regional de Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar de Santa Cruz, deflagrou a Operação Atlas e prendeu três homens e uma mulher. As prisões foram efetuadas em decorrência ao cumprimento de mandados de prisão e de prisão em flagrante delito.Em decorrência de mandados de prisão foram estão Wanderson Pereira de Oliveira, também conhecido como “Ôshi”, preso no Sítio Barros Preto, zona rural do município de Lajes Pintadas, pelo crime de estupro, e Pedro Rodrigues de Lima, o “Menininho”, que já se encontrava custodiado no sistema penitenciário.

Durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão, foram presos em flagrante José Galdino da Silva e Alberta Maria Sampaio pelo crime de tráfico de drogas. Fonte Portal Noar.

Comente

PM apreende adolescentes que atiraram em viatura

08/02/2019

Policiais não foram atingidos e apreenderam os suspeitos

 

Uma perseguição policial acabou com a apreensão de dois adolescentes em Mossoró, nessa quinta-feira (7). Segundo a PM, os suspeitos fugiram em uma motocicleta e atiraram contra a viatura após uma tentativa de abordagem.

De acordo com as informações da corporação, os tiros disparados pelos “menores” atingiram o para-brisa dianteiro, a porta do veículo, o para-choque e outro acertou a parte entre o teto e o para-brisa dianteiro. Os militares não foram atingidos.

Ainda segundo a polícia, os suspeitos também não foram baleados durante a troca de tiros, mas foi apreendidos. A motocicleta que eles guiavam apresentava queixa de rouba e também foi apreendida. Fonte Portal Noar.

Comente

Justiça condena Estado a indenizar filhos de homem morto por falta de vaga em UTI

08/02/2019

Para juiz, é "incabível que Estado não tenha disponíveis leitos de UTI"

 

Os familiares de um paciente morto por falta de leito em UTI em Mossoró vão ser indenizados pelo Estado do Rio Grande do Norte com o pagamento de R$ 4.465 a título de danos materiais e R$ 50 mil, por indenização em danos morais, mais juros e correção monetária. O valor deve ser dividido igualmente entre os quatro filhos do falecido, que também tiveram direito ao pagamento de uma renda mensal, a título de pensão por morte, na quantia de 2/3 do salário-mínimo, desde a data do falecimento até quando completarem 25 anos de idade. A sentença é do juiz Pedro Cordeiro Júnior, em processo da 1ª Vara da Fazenda Pública de Mossoró.

Os autores alegaram que o pai deles foi internado no Hospital Rodolfo Fernandes em decorrência de ter contraído calazar, agravada pelo vírus HIV que ele portava, e que necessitou de transferência para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por indicação médica. Alegam que mesmo havendo determinação judicial no mesmo sentido, constatou-se a ausência de leitos de UTI, com o posterior falecimento do paciente, motivo pelo qual entendem ser cabível indenização por danos morais e materiais.

Assim, ajuizaram Ação Indenizatória contra o Estado do Rio Grande do Norte com o objetivo de obter provimento jurisdicional que lhe assegure indenização por danos morais e materiais, cumulada com pensão, em razão de omissão do ente público na prestação do serviço de saúde, ante a ausência de leitos de UTI, o que ensejou a morte do genitor dos autores.

O Estado do Rio Grande do Norte alegou que os danos suportados pela vítima não foram ocasionados por conduta do Estado, rompendo o nexo de causalidade, pedindo pela improcedência do pedido inicial. Ou seja, alegou que no caso em questão não ficou constatado que o falecimento do paciente tenha se dado por conduta ou omissão do Estado, tendo em vista o grave estado em que se encontrava, pedindo pela improcedência do pedido autoral.

Decisão

Para o magistrado Pedro Cordeiro Júnior, no processo em questão, ficou verificada a omissão do ente público na prestação do serviço de transferência para a UTI solicitada, tendo em vista a inexistência de leitos suficientes para a demanda exigida, o que impossibilitou a internação do falecido. “Em que pese as alegações do demandado quanto ao estado gravíssimo do genitor dos autores, é incabível que o Estado não tenha disponíveis leitos de UTI que atendam a todas as situações existentes”, comentou.

Segundo o juiz, por mais que o estado da vítima fosse grave, ela ainda estava viva e com possibilidade de tratamento, tanto que o médico indicou a transferência para a unidade de terapia intensiva, presumindo-se que o quadro poderia ser revertido em caso de atendimento adequado.

Comente

Operação combate pedofilia e prende advogado em Natal

08/02/2019

Homem utilizava as redes sociais para aliciar as vítimas

Por Assessoria do MPRN

Uma operação conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e do Paraná (MPPR) nessa quinta-feira (7) cumpriu mandados judiciais e prendeu em Natal um advogado suspeito de cooptar, por meio de redes sociais na internet, mulheres com a intenção de abusar sexualmente de seus filhos. A operação Jocasta cumpriu três mandados no RN e outros, no Paraná.

O homem, de 38 anos, utilizava as redes sociais para aliciar as vítimas e conseguir delas fotos e vídeos íntimos. De posse das imagens, ele passava a manipulá-las com o intuito de que continuassem a enviar material de conteúdo pornográfico, chegando a ameaçar algumas delas.

Um dos casos comprovados envolve uma mãe que abusou do próprio filho, uma criança de 8 anos, para satisfazer a lascívia do advogado. Ela foi presa no Paraná como desdobramento da operação.

Na capital potiguar, os mandados foram cumpridos em três endereços, sendo um deles o escritório de advocacia do investigado. A ação contou com a participação de agentes do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), com o apoio da Polícia Militar, e a presença de representantes da Ordem dos Advogados do Brasil. Foram apreendidos notebooks, celulares e outros objetos que podem estar relacionados à prática do crime.

Disque 127

O Disque Denúncia 127 é um canal direto do MPRN para denúncias de crimes em geral. O cidadão pode ligar gratuitamente para o número. A identidade da fonte será preservada.

Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas por Whatsapp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para disque.denuncia@mprn.mp.br. Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. No Whatsapp, são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.Fonte MPRN.

Comente

Após tragédia, Federação Carioca diz que ‘não há clima para Fla-Flu’

08/02/2019

Chamas no CT rubro-negro deixaram 10 mortos e três feridos

Por Estadão Conteúdo

 

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) afirmou na manhã desta sexta-feira (8), após o incêndio que atingiu o Ninho do Urubu, o centro de treinamento do Flamengo, em Vargem Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro, e deixou 10 mortos e três feridos – um deles em estado grave -, que não há mais clima para a realização do clássico entre o time rubro-negro e o Fluminense, pela semifinal da Taça Guanabara – o primeiro turno do Campeonato Carioca -, marcado para este sábado, às 19 horas, no estádio do Maracanã.

“A Ferj lamenta a tragédia ocorrida no CT do Flamengo e se solidariza com as famílias. A Ferj informa que não há clima para a realização do Fla-Flu e está convocando, para reunião pela manhã, Fluminense, Fla e a TV detentora dos direitos do Carioca para decidir sobre o caso”, informou a entidade em suas redes sociais.

Esta reunião definirá o provável adiamento do Fla-Flu para uma data a ser marcada posteriormente. O mesmo pode acontecer com a outra semifinal da Taça Guanabara, entre Vasco e Resende, que está programada para este domingo, às 17 horas, também no Maracanã.

O Fluminense também se manifestou sobre o ocorrido e prestou a sua solidariedade com o rival. “O Fluminense Football Club lamenta profundamente o incêndio ocorrido no Ninho do Urubu e se solidariza com a dor do Clube de Regatas do Flamengo. Nossos pensamentos estão com as vítimas e seus familiares”, escreveu o clube tricolor.

Na tragédia, os bombeiros foram acionados às 5h17 da manhã. Por volta das 7 horas, as chamas foram controladas, mas ainda não há informações sobre quem são os mortos e a situação de todos os feridos. Imagens aéreas divulgadas pela TV Globo mostraram uma parte da área do CT completamente destruída.

Comente

Operação conjunta do MPRN e MPPR combate pedofilia e prende advogado em Natal

07/02/2019

Operação Jocasta cumpriu mandados nesta quinta. Homem utilizava as redes sociais para aliciar as vítimas e conseguir fotos e vídeos íntimos delas

Operação conjunta do MPRN e MPPR combate pedofilia e prende advogado em Natal

 

Uma operação conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e do Paraná (MPPR) nesta quinta-feira (7) cumpriu mandados judiciais e prendeu em Natal um advogado suspeito de cooptar, por meio de redes sociais na internet, mulheres com a intenção de abusar sexualmente de seus filhos. A operação Jocasta cumpriu três mandados no RN e outros, no Paraná.
 
O homem, de 38 anos, utilizava as redes sociais para aliciar as vítimas e conseguir delas fotos e vídeos íntimos. De posse das imagens, ele passava a manipulá-las com o intuito de que continuassem a enviar material de conteúdo pornográfico, chegando a ameaçar algumas delas.
Um dos casos comprovados envolve uma mãe que abusou do próprio filho, uma criança de 8 anos, para satisfazer a lascívia do advogado. Ela foi presa no Paraná como desdobramento da operação.
 
Na capital potiguar, os mandados foram cumpridos em três endereços, sendo um deles o escritório de advocacia do investigado. A ação contou com a participação de agentes do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), com o apoio da Polícia Militar, e a presença de representantes da Ordem dos Advogados do Brasil. Foram apreendidos notebooks, celulares e outros objetos que podem estar relacionados à prática do crime.
 
Disque 127
 
O Disque Denúncia 127 é um canal direto do MPRN para denúncias de crimes em geral. O cidadão pode ligar gratuitamente para o número. A identidade da fonte será preservada.
 
Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas por Whatsapp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para disque.denuncia@mprn.mp.br. Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. No Whatsapp, são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.

Comente

Preso em Natal advogado suspeito de cooptar mulheres com intenção de abusar sexualmente dos próprios filhos

07/02/2019

Homem foi detido em operação conjunta entre o Ministério Público do Rio Grande do Norte e do Paraná nesta quinta-feira (7).

Por G1 RN

 

Sede do Ministério Público do Rio Grande do Norte, em Natal — Foto: Divulgação/Ministério Público do RN

 

Sede do Ministério Público do Rio Grande do Norte, em Natal — Foto: Divulgação/Ministério Público do RN

 

Uma operação conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte e do Paraná nesta quinta-feira (7) cumpriu mandados judiciais e prendeu em Natal um advogado suspeito de cooptar, por meio de redes sociais na internet, mulheres com a intenção de abusar sexualmente dos próprios filhos. A operação Jocasta cumpriu três mandados no RN e outros, no Paraná.

O homem, de 38 anos, utilizava as redes sociais para aliciar as vítimas e conseguir delas fotos e vídeos íntimos. De posse das imagens, ele passava a manipulá-las com o intuito de que continuassem a enviar material de conteúdo pornográfico, chegando a ameaçar algumas delas.

Segundo o MP, um dos casos comprovados envolve uma mãe que abusou do próprio filho, uma criança de 8 anos, para satisfazer o advogado. Ela foi presa no Paraná como desdobramento da operação.

Na capital potiguar, os mandados foram cumpridos em três endereços, sendo um deles o escritório de advocacia do investigado. A ação contou com a participação de agentes do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do Ministério Público do Rio Grande do Norte, com o apoio da Polícia Militar, e a presença de representantes da Ordem dos Advogados do Brasil. Foram apreendidos notebooks, celulares e outros objetos que podem estar relacionados à prática do crime.

 

Disque 127

 

O Disque Denúncia 127 é um canal direto do MPRN para denúncias de crimes em geral. O cidadão pode ligar gratuitamente para o número. A identidade da fonte será preservada.

Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas por Whatsapp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para disque.denuncia@mprn.mp.br. Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. No Whatsapp, são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.

Comente

Ex-marido contratou pistoleiros para matar empresária, diz Polícia Civil

07/02/2019

Investigadores prenderam terceiro suspeito do crime nesta quarta-feira (7), em Alagoas.

G1 RN

Polícia Civil divulgou resultado das investigações da morte da empresária Maria da Conceição de Lima Barbosa em entrevista coletiva — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

 

Polícia Civil divulgou resultado das investigações da morte da empresária Maria da Conceição de Lima Barbosa em entrevista coletiva — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

 

O ex-marido da empresária Maria da Conceição de Lima Barbosa contratou dois pistoleiros de Alagoas para executá-la. A informação é da Polícia Civil, que, nesta quinta-feira (7), prendeu mais um suspeito do crime, o terceiro. Outros dois homens já estavam presos, em janeiro. Maria da Conceição tinha 56 anos e foi assassinada em novembro, no interior do Rio Grande do Norte.

Luiz Hugo Vital Barbosa, 57, ex-marido dela e apontado pelas investigações como o mandante do crime, morreu em um acidente de carro no dia 30 de janeiro. Um dia antes, segundo a polícia, ele ficou sabendo que um dos homens que estavam presos o havia delatado.

De acordo com o delegado Erick Gomes, titular da Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deicor), dois homens foram contratados para executar a empresária e cada um deles recebeu R$ 2 mil pelo serviço.

Maria da Conceição de Lima Barbosa, de 56 anos, foi executada a tiros — Foto: Arquivo da família

 

Maria da Conceição de Lima Barbosa, de 56 anos, foi executada a tiros — Foto: Arquivo da família

Depois de presos, os pistoleiros disseram aos investigadores que o mandante era Luiz Hugo. “Há também conversas nos celulares deles que apontam situações nesse sentido”, afirma o delegado.

Os executores chegaram a passar mais de uma semana em Santo Antônio, onde Maria da Conceição morava e administrava seu negócio, para planejar o assassinato. Os custos de estadia e aluguel de carro para eles, segundo a Polícia Civil, foram bancados pelo ex-marido da empresária.

 

Comente

Dança das cadeiras: 12 senadores trocam de partido e novas legendas ganham poder

07/02/2019

15% dos senadores mudaram de legenda desde outubro; alterações diminuíram importância de siglas tradicionais

 

Senador e ex-presidente da República Fernando Collor de Mello foi um dos que trocou de partido
 
 

Mesmo após uma eleição marcada pelo discurso de novas práticas políticas, 12 senadores já trocaram de partido desde outubro do ano passado. O troca-troca partidário mudou a dinâmica de forças entre as bancadas da Casa, diminuindo a importância de siglas tradicionais, como o PSDB, e colocando em destaque novos grupos partidários, a exemplo do Podemos e do PSD.

A forte renovação obtida em 2018 – apenas 8 dos 54 senadores foram reeleitos – não evitou que uma parcela significativa desses parlamentares protagonizasse ‘traições’ partidárias ou acordos envolvendo 12 partidos. A dança das cadeiras envolve tanto figuras tradicionais, como o ex-presidente Fernando Collor (AL), como os estreantes Jorge Kajuru (GO) e o Capitão Styvenson (RN). Com as mudanças, cinco siglas foram “expulsas” do Senado: PTC, PRP, PHS, PTB e Solidariedade. Todas saíram das urnas com pelo menos um senador, mas começaram o ano legislativo esvaziadas.

O PTB, partido do ex-deputado Roberto Jefferson, conhecido pelo envolvimento no caso do “mensalão”, é o mais prejudicado. A legenda elegeu dois novos senadores em outubro e, como já tinha um parlamentar em meio de mandato, terminou 2018 projetando uma bancada de três parlamentares, o que lhe garantiria uma estrutura de liderança partidária – com gabinete próprio e cargos em comissão. Nesses 90 dias, porém, a sigla perdeu seus três senadores, sendo dois deles para o PSD, e perdeu representação na Casa. O Broadcast Político apurou que Roberto Jefferson, irritado, tentou reverter as saídas, mas não conseguiu.

Na outra ponta está o PSD, de Gilberto Kassab. O ex-ministro articulou a ampliação da bancada durante o recesso e conseguiu atrair três nomes, elevando de sete para dez o número de senadores filiados ao partido que criou. Os novatos na legenda são Nelsinho Trad (MS) e Lucas Barreto (AP), ambos originários do PTB, além do Carlos Viana (MG), do PHS. Em compensação, a sigla perdeu o senador Lasier Martins (RS) para o Podemos. Ainda assim, o PSD ultrapassou o PSDB em tamanho e força. Os tucanos não conseguiram seduzir nenhum novo senador e permaneceram com uma bancada de oito parlamentares, contra nove do PSD.

A ofensiva de Kassab serviu para que o partido pudesse requisitar mais espaço no Senado, devido à regra da proporcionalidade. Nas negociações, a sigla conseguiu garantir a primeira-secretaria do Senado, além da presidência de uma das mais importantes comissões, a de Assuntos Econômicos (CAE).

O Podemos, partido do senador Álvaro Dias (PR), também se fortaleceu. A sigla filiou, além de Lasier Martins, o senador Eduardo Girão (CE), que era do PROS, e o Capitão Styvenson (RN), ex-Rede. Com isso, a legenda subiu de cinco parlamentares, após as eleições, para oito nomes agora. O crescimento fez com que Álvaro Dias garantisse a indicação para a segunda vice-presidência do Senado, um dos cargos mais importantes da Mesa Diretora.

O assédio dos partidos sobre os eleitos foi tanto que houve quem atuasse para evitar uma debandada. A articulação de Álvaro Dias representou um duro golpe, por exemplo, para a Rede, partido de Marina Silva. A saída de Styvensson foi a segunda baixa na sigla, que já havia perdido o Delegado Alessandro Vieira (SE) para o PPS. As mudanças enxugaram a bancada da legenda, que deixou de ter cinco senadores, como definido pelas urnas em outubro, para reunir apenas três parlamentares.

Um dos principais aliados de Marina, o senador Randolfe Rodrigues atuou para evitar que a debandada fosse maior. Se perdesse três senadores, a Rede não teria direito, por exemplo, a uma estrutura de liderança na Casa. A chamada cláusula de barreira, válida para a eleição da Câmara dos Deputados, explica as mudanças. Como o partido não alcançou o número mínimo de cadeiras exigido pela legislação eleitoral, perdeu o direito de ter acesso a fundos públicos com verbas para financiar as atividades partidárias e eleitorais.

Renovação histórica
Em outubro, o Senado renovou 2/3 de seu plenário – 54 parlamentares foram eleitos. Foi a maior renovação desde o fim da ditadura militar, com a entrada de 46 novos senadores. Dos 32 parlamentares que tentaram a reeleição, somente oito conseguiram novo mandato, entre eles Renan Calheiros, do MDB de Alagoas, Ciro Nogueira, do PP do Piauí e Humberto Costa, do PT de Pernambuco.

Nomes tradicionais como Romero Jucá (MDB-RR), Valdir Raupp (MDB-RO), Eunício Oliveira (MDB-CE), Roberto Requião (MDB) do Paraná, o ex-líder do governo Michel Temer, Lindbergh Farias (PT-RJ) e Magno Malta (PR-ES) ficaram de fora.

Relembre: eleição tumultuada e presidente ‘novato’
A eleição para a presidência do Senado, na última sexta-feira, tinha duas figuras bem diferentes entre si: Renan Calheiros (MDB-AL), que tentava comandar a Casa pela quinta vez, e o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), um discreto senador em primeiro mandato.

Com 42 votos, Alcolumbre surpreendeu e se tornou o terceiro na linha sucessória da Presidência da República e comandará a pauta do Senado pelos próximos dois anos. Saiba quem é Davi Alcolumbre.

O presidente do Senado é também o presidente do Congresso Nacional – ou seja, é dele o comando da pauta legislativa do País. Isso quer dizer que ele pode decidir a ordem de importância das pautas. O presidente ainda tem o controle da duração das sessões, podendo prorrogá-la ou não de acordo com sua escolha. Ele é ainda o responsável por encaminhar as conclusões das Comissões Parlamentares de Inquérito aos órgãos competentes.

O presidente do Senado é quem vota por último para decidir o resultado de votações que estão empatadas, nas votações públicas. Ele ainda tem a prerrogativa de indicar parlamentares para a relatoria dos projetos debatidos no plenário da Casa.

Comente

Boletim médico de Bolsonaro aponta quadro isolado de febre e pneumonia

07/02/2019

De acordo com equipe médica, presidente mantém boa evolução intestinal e continua sem dor

 

Bolsonaro durante processo de recuperação no hospital

 

 

Em boletim médico divulgado na tarde desta quinta-feira, 7, o Hospital Albert Einstein informa que o presidente Jair Bolsonaro apresentou na noite de quarta episódio de “febre sem outros sintomas associados” e “imagem compatível com pneumonia” na tomografia de tórax e abdomen.

A equipe médica do hospital ajustou os antibióticos tomados pelo presidente para tratar os novos sintomas. Ele segue com sonda no nariz e dreno no abdome para corrigir infecção identificada na noite de domingo, 3.

Bolsonaro foi internado em 28 de janeiro para realizar a cirurgia de retirada da bolsa de colostomia. Nesta quinta, ele completou 11 dias no hospital e a orientação médica é de que mantenha repouso e evite falar. No quarto, ele fica em companhia da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e com o filho Carlos Bolsonaro.

Apesar do quadro, Bolsonaro mantém boa evolução no funcionamento intestinal e continua sem dor, realizando exercícios respiratórios e caminhada. As visitas permanecem restritas. A alimentação segue feita por via venal, e o presidente mantém ingestão de líquidos por via oral.

Confira a íntegra do boletim: 
O excelentíssimo Presidente da República, Jair Bolsonaro, permanece internado na Unidade Semi-Intensiva do Hospital Israelita Albert Einstein. Apresentou, ontem à noite, episódio isolado de febre sem outros sintomas associados, foi submetido à tomografia de tórax e abdome que evidenciou boa evolução do quadro intestinal e imagem compatível com pneumonia.

Foi realizado um ajuste na antibióticoterapia e mantidos os demais tratamentos. Continua sem dor, com sonda nasogástrica, dreno no abdome e recebendo líquidos por via oral em associação à nutrição parenteral. Hoje, realizou exercícios respiratórios e caminhou no corredor. Por ordem médica, as visitas permanecem restritas.

Comente

Rosalba paga 14° salário aos professores de Mossoró

07/02/2019

Prefeita também garantiu o terço de férias dos professores através do pagamento antecipado na folha de janeiro

 

A Prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP) anunciou o pagamento do 14° salário aos profissionais da Educação na folha deste mês de fevereiro. Uma outra novidade é o pagamento da mudança de nível dos professores, que também será quitado na folha de fevereiro. Além disso, a Prefeitura de Mossoró garantiu o terço de férias dos professores através do pagamento antecipado na folha de janeiro, que estava previsto para o próximo dia 10.

“Apesar de toda a dificuldade financeira vivenciada pelo município, a exemplo do restante do país, a prefeita Rosalba Ciarlini autorizou iniciar esse pagamento por entender a importância de valorizar o profissional da Educação, principalmente nesse momento importante que é o início do Ano Letivo. O terço de férias dos professores já devidamente pago e a mudança de nível, que vem agora também em fevereiro”, disse a secretária municipal da Educação, Magali Delfino.

No total são 29 escolas premiadas com o “Prêmio 14º Salário” representando um investimento de aproximadamente R$ 1,6 milhão. Dessas unidades de ensino, 16 já foram publicadas no Jornal Oficial de Mossoró (JOM), e as outras 13 serão publicadas em breve.

LEI – O salário extra para os servidores da educação é garantido através da Lei Nº 271/2010, que instituiu a Política de Responsabilidade Educacional, e do Decreto Nº 4066/2012, que criou o “Prêmio 14º Salário”. Fonte Portal Noar.

Comente

PM apreende veículo clonado e detém suspeito

07/02/2019

Homem é suspeito de integrar quadrilha de clonagem

 

Na manhã desta quinta-feira (7), policiais militares que atuam na Operação Lei Seca apreenderam um veículo clonado e prenderam um  homem suspeito de integrar quadrilha de clonagem.

O suspeito chegou ao Detran de Natal para tentar esquentar o veículo informando que havia perdido o CRV (recibo) e querendo tirar uma segunda via. Ao suspeitar da situação, policiais da lei seca foram acionados e após averiguação minuciosa constatou-se a clonagem.

O documento apresentado pelo suspeito era de um lote que havia sido roubado do Detran em Parnamirim, mas a forma de preenchimento e alguns caracteres específicos não estavam de acordo com o padrão estadual e confirmou a adulteração.

A numeração do chassis do veículo original foi localizada e trata-se de um veículo que foi roubado no estado do Ceará.

Há pouco mais de duas semanas outro caso semelhante aconteceu com o mesmo modus operandi. Durante uma blitz lei seca um veículo foi apreendido em Pirangi praia e constatada situação de clonagem. Na ocasião, o documento apresentado pelo condutor também pertencia ao lote que foi roubado do Detran de Parnamirim.

Os proprietários dos veículos foram acionados e informados que seus carros foram recuperados. Fonte Portal Noar.

Comente

Governo discute greve com servidores da Saúde

07/02/2019

Administração aposta no diálogo para encerrar movimento

 

O Governo do RN e servidores da Saúde discutem nesta quinta-feira (7) a greve da categoria, iniciada na última terça-feira (5). Em entrevista coletiva, o secretário de Saúde do Estado, Cipriano Maia, destacou que a postura da administração estadual é de negociação.

“Nossa posição é de diálogo. Estamos apostando nisso. Acreditamos que podemos superar esse momento de dificuldade”, declarou.

De acordo com o gestor, a greve não comprometeu o atendimento nos hospitais do RN. “A informação que nós temos é que o atendimento não estava afetado em função da grave”, disse.

Os servidores da Saúde cobram o pagamento dos salários atrasos de dezembro de 2018, o 13º salário de 2018 e também o 13º de 2017. Maia acrescentou que o “Governo vem negociando desde que assumiu essa questão dos atrasos salariais, mantendo os acordos que estão sendo feitos e vimos possibilidade a chegar acordo”.

A categoria agendou uma assembleia para esta sexta-feira (8), às 10 horas, no auditório do Sinpol.

Comente

Estelionatário é preso dentro de agência bancária em Natal

07/02/2019

Homem abriu contas e fez empréstimos com documentos falsos

 

Por volta das 13h30 desta quinta-feira (7), policiais militares da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (ROCAM) detiveram um homem suspeito de estelionato dentro de uma agência bancária no bairro de Lagoa Nova, zona Sul de Natal.

Os policiais foram acionados pelo gerente do banco, informando que um cidadão por nome de Carlos Augusto Gondim de Oliveira, 60 anos, acabara de abrir uma conta utilizando documentação falsa e já teria aberto outra conta e feito empréstimos com outro documento falso.

Ao realizar a abordagem, foram constatadas duas identidades com a mesma foto, mas nome e número diferentes, como também os contratos do banco em nome dessas identidades falsas. Fonte Portal Noar.

Comente