Banco Central implantará sistema de pagamentos instantâneos

01/09/2019

A ideia é substituir as transações com dinheiro em espécie ou por meio de transferências bancárias (TED e DOC) e débitos por transações entre pessoas

Transações serão feitas em poucos segundos

Agência Brasil

O desenvolvimento do sistema de pagamentos instantâneos está avançando. Nesta semana, o Banco Central (BC) anunciou que será responsável por desenvolver a base de dados e a administração do sistema.

A ideia é substituir as transações com dinheiro em espécie ou por meio de transferências bancárias (TED – Transferência Eletrônica Disponível – e DOC – Documento de Ordem de Crédito) e débitos por transações entre pessoas.

Segundo o BC, os pagamentos instantâneos serão feitos em alguns segundos e funcionarão por 24h todos os dias da semana.

A decisão de desenvolver o sistema vai permitir que bancos e fintechs (empresas de tecnologia do setor financeiro) possam dar continuidade à definição de seus modelos de negócios para o pagamento instantâneo.

Atualmente, os pagamentos por transferência são feitos por canais bancários e os valores chegam ao destinatário no mesmo dia, desde que a transferência seja feita em dias úteis, em horário definido pelos bancos de 6h30 às 17h.

O custo da transferência é definido pelos bancos para cada operação ou tem o valor incluído em um pacote de serviços. Com o sistema de pagamentos instantâneos, a expectativa do Banco Central é que haja redução desses custos para os clientes.

Segundo o BC, também haverá redução de custos para empresas que recebem as transferências. No caso de um lojista, por exemplo, a redução no número de intermediários vai significar menor custo de aceitação em relação aos demais instrumentos de pagamento.

O BC diz que o estabelecimento comercial precisará ter somente um código único de identificação para permitir que seus clientes façam a leitura desse código por meio de seus smartphones. Nesse código estarão contidas todas as informações necessárias para que os recursos sejam transferidos instantaneamente.

Segundo o Banco Central, iniciar um pagamento instantâneo deverá ser tão simples quanto selecionar uma pessoa na lista de contato do telefone celular. Isso porque não haverá a necessidade de inserir informações como número do banco, da agência e da conta e o CPF (Cadastro de Pessoa Física) do recebedor.

Para fazer o pagamento instantâneo, serão necessários um smartphone, uma conta em um prestador de serviço de pagamento (PSP) da escolha do consumidor e o aplicativo.

Sistema

No último dia 28, o BC informou que decidiu desenvolver e gerar a base de dados para “maximizar ganhos de escala e efeitos de rede típicos da indústria de pagamentos” e por levar em conta “sua criticidade para o bom funcionamento do ecossistema de pagamentos”,

“A base de dados de endereçamento permitirá a realização de pagamentos de maneira intuitiva e simplificada, utilizando, de forma segura, informações de fácil conhecimento, como número de telefone ou conta de e-mail”, acrescentou o Banco Central.

Em dezembro do ano passado, por meio do Comunicado 32.927, o BC já havia divulgado os requisitos fundamentais do sistema de pagamentos instantâneos.

“A divulgação do Comunicado foi o ponto de partida para o início do processo de implantação do sistema de pagamentos instantâneos no Brasil. Os requisitos fundamentais estabelecem a política institucional para o desenvolvimento desse sistema, o que inclui a governança para a definição de regras, as formas de participação e a infraestrutura centralizada de liquidação”, acrescentou.

“O Banco Central vem atuando na liderança desse processo, com o objetivo de criar, de uma perspectiva neutra em relação a modelos de negócio ou participantes de mercado específicos, as condições necessárias para o desenvolvimento de um sistema de pagamentos instantâneos eficiente, competitivo, seguro, inclusivo e que acomode todos os casos de usos”, disse a instituição, em nota.

Comente

Torcedor cai de arquibancada no Morumbi e atinge adolescente

01/09/2019

São Paulo informou que eles passaram por atendimento médico ainda no estádio e foram encaminhados, conscientes, a hospitais da região

Clube informou que vai prestar a assistência aos dois torcedores

Agência Brasil

Durante o jogo em que o São Paulo empatou com o Grêmio em 0x0, neste sábado, 31, pela manhã, no estádio do Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro, um torcedor do tricolor paulista caiu da arquibancada superior sobre uma adolescente, que estava nas cadeiras inferiores.

Segundo informações divulgadas pelo próprio clube, o homem é Iago de Melo Rios. O nome da adolescente não foi divulgado.

O São Paulo informou que eles passaram por atendimento médico ainda no estádio e foram encaminhados, conscientes, a hospitais da região.

O clube informou ainda que vai prestar a assistência necessária aos dois torcedores.

 

Comente

PRF prende dois homens com 3,9 kg de cocaína e 20 kg de fenacetina em São José

01/09/2019

A PRF também constatou que o condutor do carro, um homem de 32 anos, tinha um mandado de prisão em aberto, expedido pela Comarca de Natal, por estelionato

Ocorrência foi encaminhada à Central de Flagrantes em Natal

Dois homens foram flagrados com 3,9 kg de cocaína e 20 kg de fenacetina no posto de fiscalização na BR-101, em São José de Mipibu, região metropolitana de Natal. Os criminosos foram presos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na noite da última sexta-feira, 30.

De acordo com a corporação, os homens seguiam em um carro modelo Fiat Mobi, de João Pessoa no sentido a Natal. No momento em que foram abordados, ficaram muito nervosos, o que chamou a atenção dos policiais.

Os policiais encontraram no banco traseiro do veículo um pacote com cocaína e no porta-malas um outro pacote, onde estava o pó branco, conhecido como fenacetina. Segundo a PRF, o pó é uma substância química de uso farmacêutico, utilizada pelo tráfico para aumentar o volume do entorpecente e o lucro nas vendas.

A PRF também constatou que o condutor do carro, um homem de 32 anos, tinha um mandado de prisão em aberto, expedido pela Comarca de Natal, por estelionato. A ocorrência foi encaminhada à Central de Flagrantes em Natal. Agora RN.

Comente

Governo vai lançar na próxima semana plano de recuperação de estradas

01/09/2019

De acordo com o diretor do DER, Manoel Marques, dos mais de 3 mil quilômetros da malha estadual, cerca de 1.200, já estão em condições regulares de trafega

Ideia é iniciar a operação tapa-buracos pelas rodovias com maior tráfego de veículos no interior

A governadora Fátima Bezerra lança na próxima semana um plano para recuperação da malha viária estadual. Os detalhes estão sendo finalizados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). A ideia é iniciar a operação tapa-buracos pelas rodovias com maior tráfego de veículos no interior.

De acordo com o diretor do DER, Manoel Marques, dos mais de 3 mil quilômetros da malha estadual, cerca de 1.200, já estão em condições regulares de trafegabilidade.

“Existe uma diferença entre o que foi feito anteriormente e o que vamos fazer agora. O plano de conservação não ficará restrito apenas ao tradicional tapa-buracos. Vamos fazer ainda o roço (capinação) dos acostamentos, a limpeza dos canais de drenagem, além de manter um programa de manutenção preventiva nas estradas recuperadas”, disse Marques.

Segundo ele, neste primeiro momento, o DER também dará atenção à segurança dos motoristas, sinalizando o eixo central das rodovias para indicar locais de ultrapassagem permitida e proibida – faixa contínua. Agora RN.

Comente

Mega-Sena acumula e prêmio sobre para R$ 72 milhões

01/09/2019

O próximo concurso da Mega-Sena será na quarta-feira (4)

Por Agência Brasil

Ninguém acertou as seis dezenas do Concurso 2184 da Mega-Sena, sorteadas neste sábado (31) à noite no Espaço Loteria Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo. Os números sorteados foram 15-36-45-51-52-59. O prêmio para o próximo concurso está estimado em R$ 72 milhões.

A quina teve 64 ganhadores que vão receber, cada um, R$ 55.232,15. Fizeram quatro pontos 5.158 apostadores que receberão o prêmio individual de R$ 979,02.

O próximo concurso da Mega-Sena será na quarta-feira (4). As apostas podem ser feitas até uma hora antes do sorteio. A aposta mais barata, com seis números, custa R$ 3,50.

Comente

Prefeito de Nova Cruz terá o apoio do PSDB nas eleições do próximo ano

31/08/2019

Flávio de Beroz disputará reeleição e terá Ezequiel Ferreira, presidente da Assembleia Legislativa do RN, no palanque

Ezequiel Ferreira e Flávio de Beroz

O prefeito Flávio de Beroz (MDB) foi recebido nesta sexta-feira, 30, pelo presidente do PSDB Potiguar, Ezequiel Ferreira de Souza. O prefeito de Nova Cruz, maior cidade do Agreste Potiguar terá a parceria do presidente da Assembleia Legislativa.

Em 2016, Flávio foi eleito vice-prefeito na chapa de Targino Pereira, falecido esse ano. Flávio vem fazendo uma gestão diferenciada e tem feito o pagamento em dia dos servidores, dentro do mês trabalhado.

Ezequiel quer fortalecer o PSDB no Agreste Potiguar e iniciou uma articulaçao em Nova Cruz. Lideranças e vereadores vão fortalecer a legenda. O vice de Flávio deve sair do PSDB.

Flávio apontou ações de pavimentação e melhorias para a população de Nova Cruz. O prefeito também apresentou ao deputado uma programação cultural para celebrar os 100 anos de Nova Cruz, em dezembro próximo.

Comente

Governo Federal propõe salário mínimo de R$ 1.039 para 2020

31/08/2019

Cada aumento de R$ 1 no mínimo terá impacto de cerca de R$ 298,2 milhões no Orçamento de 2020

Agência Brasil

O salário mínimo proposto pelo governo federal para o ano que vem é de R$ 1.039. O valor consta na Proposta de Lei Orçamentária (PLOA) de 2020, que foi enviada nesta sexta-feira, 30, para análise do Congresso Nacional, juntamente com o texto do projeto de lei que institui o Plano Plurianual (PPA) da União para o período de 2020 a 2023.

O valor previsto agora está abaixo da última projeção, anunciada em abril, que indicou um salário mínimo de R$ 1.040. A revisão para baixo está relacionada à correção do valor do salário mínimo de 2020 ser corrigido pela inflação desse ano, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que registrou queda nos últimos meses (de 4,19% para 4,09%).

Cada aumento de R$ 1 no mínimo terá impacto de cerca de R$ 298,2 milhões no Orçamento de 2020. A maior parte desse efeito vem dos benefícios da Previdência Social de um salário mínimo.

Mesmo com a ligeria redução, o salário mínimo do ano que vem vai ultrapassar a faixa R$ 1 mil pela primeira vez na história. O reajuste representa uma alta de um pouco mais de 4% em relação ao valor atual (R$ 998).

Comente

Mais um corpo é encontrado nos destroços da barragem em Brumadinho

31/08/2019

Há 22 desaparecidos após rompimento da barragem

Por Agência Brasil

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais encontrou nesta sexta-feira (30) mais um corpo de vítima do rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, da empresa Vale, em Brumadinho (MG).

A última divulgação de corpo encontrado pelos bombeiros aconteceu no dia 11 de julho. Na ocasião, já havia sido contabilizada a morte de 248 pessoas em decorrência da tragédia. Oficialmente, permanecem desaparecidas 22 pessoas. Muitos sobreviventes que perderam suas casas ainda estão desabrigados.

Fraudes
A Polícia Civil do estado anunciou hoje que instaurou inquérito para investigar fraudes de novos estelionatários que buscam receber benefícios assegurados às vítimas do rompimento da barragem da Vale.

A mineradora ofereceu uma doação de R$ 100 mil para as famílias de cada pessoa morta, R$ 50 mil para quem morava na área alagada e R$ 15 mil para quem desenvolvia atividade produtiva ou comercial nas regiões afetadas. Esses valores foram assegurados de forma unilateral e não correspondem às indenizações, que estão sendo negociadas judicialmente.

Agencia Brasil.

Comente

Conta de luz terá R$ 4 a mais para cada 100kWh em setembro

31/08/2019

Bandeira tarifária continua vermelha

 Da Agência Brasil 

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou que a bandeira tarifária para setembro de 2019 continuará na cor vermelha no Patamar 1, a mesma de agosto. Isso significa que haverá uma cobrança extra de R$ 4 para cada 100 quilowatts-hora consumidos. Em julho vigorou a cobrança da bandeira tarifária amarela, na qual há um acréscimo de R$ 1,50 a cada 100 kWh consumidos.

De acordo com a Aneel, a decisão de manter a bandeira no patamar vermelho 1 foi tomada devido ao fato de uma parcela significante da energia ser fornecida por meio de usinas termelétricas, que têm custo de geração de energia mais alto. Também pesou na decisão a diminuição do volume de chuvas, com a intensificação da estação seca.”Setembro é um mês típico do final da estação seca nas principais bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN). A previsão hidrológica para o mês sinaliza permanência do quadro de estiagem, com vazões abaixo da média histórica”, disse a Aneel.Criado pela Aneel, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica. O funcionamento das bandeiras tarifárias é simples: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos com fbase nas condições de geração.O cálculo para acionamento das bandeiras tarifárias leva em conta, principalmente, dois fatores: o risco hidrológico– GSF, na sigla em inglês, e o preço da energia (PLD). Segundo a agência, o cenário favorável reduziu o preço da energia para o patamar mínimo, o que “diminui os custos relacionados ao risco hidrológico e à geração de energia de fontes termelétricas”, possibilitando a manutenção dos níveis dos principais reservatórios próximos à referência atual.No dia 21 de maio, a agência aprovou um reajuste no valor das bandeiras tarifárias. Com os novos valores, caso haja o acionamento, o acréscimo cobrado na conta pelo acionamento da bandeira amarela passou de R$ 1 para R$ 1,50 a cada 100 kWh consumidos. Já a bandeira vermelha patamar 1 passou de R$ 3 para R$ 4 a cada 100 kWh e, no patamar 2 da bandeira, passou de R$ 5 para R$ 6 por 100 kWh consumidos. A bandeira verde não tem cobrança extra.Os recursos pagos pelos consumidores vão para uma conta específica e depois são repassados às distribuidoras de energia para compensar o custo extra da produção de energia em períodos de seca.

Comente

Estradas do RN passarão por processo de recuperação

31/08/2019

Programa não se restringirá ao "tapa-buracos", segundo o Governo

A governadora Fátima Bezerra lança na próxima semana um plano para recuperação da malha viária estadual. Os detalhes estão sendo finalizados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). A ideia é iniciar a operação tapa-buracos pelas rodovias com maior tráfego de veículos no interior. De acordo com o diretor do DER, Manoel Marques, dos mais de 3 mil quilômetros da malha estadual, cerca de 1.200, já estão em condições regulares de trafegabilidade.

“Existe uma diferença entre o que foi feito anteriormente e o que vamos fazer agora. O plano de conservação não ficará restrito apenas ao tradicional tapa-buracos. Vamos fazer ainda o roço (capinação) dos acostamentos, a limpeza dos canais de drenagem, além de manter um programa de manutenção preventiva nas estradas recuperadas”, disse Marques.

Segundo ele, neste primeiro momento, o DER também dará atenção à segurança dos motoristas, sinalizando o eixo central das rodovias para indicar locais de ultrapassagem permitida e proibida – faixa contínua.

Portal No Ar.

Comente

Policiais civis lotados em setores administrativos devem retornar a delegacias

30/08/2019

Decisão observa que devem ser excepcionados aqueles que estiverem ocupando cargo comissionado ou função gratificada

Estado deve regularizar pelo menos 50% dos policiais civis

A Justiça potiguar determinou que o Estado deve regularizar pelo menos 50% dos policiais civis que se encontrem exercendo atividades administrativas no âmbito da Degepol e da Sesed, de modo a serem redirecionados às delegacias e em divisões responsáveis pela execução da atividade-fim da Polícia Civil.

O juiz Bruno Montenegro Ribeiro Dantas, da 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal, concedeu parcialmente medida liminar pleiteada pelo Ministério Público Estadual para determinar ao Estado do Rio Grande do Norte que se abstenha de lotar policiais civis nos setores administrativos da Delegacia Geral de Polícia Civil (Degepol) e da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed).

A decisão observa que devem ser excepcionados aqueles que estiverem ocupando cargo comissionado ou função gratificada, assim como aqueles lotados em unidades operacionais (Divisão de Homicídios e de Proteção à Pessoa, Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado, Núcleo de Inteligência Policial, Delegacias Regionais, Divisão de Polícia Civil do Oeste do Estado e Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro).

Decisão

Ao analisar o pedido liminar, o juiz Bruno Montenegro ressalta que a segurança pública é um direito fundamental expressamente previsto na Constituição Federal, cuja efetivação é um dever do Estado, mediante adoção de políticas públicas que forjem condições para a sua concretização, em prol da sociedade.

O magistrado observa que é notório e evidente o aumento vertiginoso da criminalidade no Rio Grande do Norte. Para Bruno Montenegro, os dados estatísticos indicados pelo MP demonstram com bastante clareza esse panorama. “O Estado do Rio Grande do Norte, em curto intervalo de tempo, alcançou números de criminalidade espantosos, os quais atribuíram-lo o signo de um dos locais mais perigosos do país”, anota. Agora RN.

Comente

“Se acha acima de Deus; é o Ministro Laxante”, dispara Girão sobre Gilmar Mendes

30/08/2019

Comentário foi feito repercutindo uma notícia publicada pelo portal Renova Mídia de que Gilmar Mendes acatou o pedido da defesa do ex-ministro do PT, Guido M

O deputado federal Girão Monteiro (PSL) afirmou que o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes “se acha acima de Deus”. Em uma publicação em seu Twitter, o parlamentar ainda completou o desabafo, chamando Gilmar Mendes de “Ministro Laxante”.

O comentário foi feito repercutindo uma notícia publicada pelo portal Renova Mídia, de que o ministro do STF acatou o pedido da defesa do ex-ministro do PT, Guido Mantega, para que o uso da tornozeleira eletrônica fosse dispensado. Segundo o portal, a defesa alegou que, por ser figura pública, Mantega poderia sofrer constrangimento e risco de hostilização com a tornozeleira.

Esta não é a primeira vez que o termo “ministro laxante” é utilizado para se referir ao ministro Gilmar Mendes. O promotor de Justiça e membro do Ministério Público estadual de Goiás, Fernando Krebs, disse em uma entrevista, realizada em junho do ano passado, que Gilmar Mendes era “o maior laxante do Brasil”.

Na última terça-feira, 27, o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) decidiu punir o promotor com a pena de censura, uma reprimenda escrita que pode dificultar a promoção na carreira.

Fonte Agora RN.

Comente

TCE autoriza homologação de resultado do concurso do Corpo de Bombeiros

30/08/2019

Decisão suspende medida cautelar que impedia a homologação do certame pela ausência de documentos que comprovassem a regularidade do processo

Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) decidiu, durante sessão do pleno realizada na quinta-feira, 29, pela legalidade e regularidade do concurso público para provimento de cargos de soldado do Corpo de Bombeiros Militar do RN, deflagrado pelo Edital nº 001/2017. A decisão suspende medida cautelar que impedia a homologação do certame pela ausência de documentos que comprovassem a regularidade do processo.

Em seu voto, acompanhado à unanimidade pelos demais membros do colegiado, o relator do processo de nº 2921/2017, conselheiro Carlos Thompson Costa Fernandes, considera que a Secretaria de Estado da Administração e Recursos Humanos do Rio Grande do Norte (SEARH/RN) conseguiu ao longo do certame sanar as supostas irregularidades identificadas inicialmente pela Diretoria de Atos de Pessoal do TCE.

“Como se pode observar, as imputações iniciais de supostas irregularidades foram completamente sanadas ao longo do certame, de modo a ter sido atingida a finalidade maior da atividade de controle concomitante, uma vez que a atuação tempestiva deste Tribunal de Contas e o acompanhamento das etapas do concurso por este órgão de controle externo permitiram alcançar a regularidade do certame”, afirma o relator.

As supostas irregularidades ora sanadas dizem respeito a exigências previstas na Lei de Diretrizes Orçamentárias e Lei de Responsabilidade Fiscal. A Semarh conseguiu justificar a necessidade da realização do concurso, comprovar a criação por lei do cargo de soldado e também questões relacionadas à dotação orçamentária e impacto orçamentário-financeiro das nomeações.

A decisão determina ainda a revogação imediata da tutela provisória (medida cautelar) concedida por meio do Acórdão nº 2415/2017-TC, permitindo a homologação do resultado final do certame e a sua continuidade para nomeação dos aprovados, além do arquivamento do processo após a certificação do trânsito em julgado da decisão.

“Não há que se falar em sanção aos gestores responsáveis, mormente porque o monitoramento do Acórdão nº 2415/2017-TC demonstrou o atendimento das exigências constitucionais e legais pertinentes à espécie e o respeito à tutela provisória concedida pelo Pleno deste Tribunal de Contas, a qual deve ser imediatamente revogada para que se dê regular continuidade ao certame”, aponta o voto Agora RN.

Comente

Poço Branco: Prefeitura Paga Hoje Folha de Agosto do Funcionalismo

30/08/2019

É Tempo de Mudança

Prefeito de Poço Branco Waldemar de Góis vem Honrado com seus compromissos no tocante ao Pagamento dos Funcionários do Município Pagando em Dia dentro do Mês.

Resultado de imagem para fotos de real dinheiro

 

Comente

Ministros recorrem a Guedes em busca de mais recursos

30/08/2019

Ministro da Educação pediu aumento de R$ 9,8 bilhões em verbas

Às vésperas do envio da proposta de Orçamento de 2020 ao Congresso, o ministro da Economia, Paulo Guedes, recebeu alertas de ministérios de que os recursos previstos para o ano que vem são insuficientes e podem comprometer compra de livros escolares, pagamentos de bolsas de estudos e entrega gratuita de medicamentos, entre outros serviços.

Os ministros relatam cenário dramático, caso sejam confirmados os níveis previstos para os chamados gastos discricionárias (aqueles que são tradicionalmente contingenciados e que incluem custeio da máquina e investimentos). A preocupação está registrada em documentos obtidos pelo Estado e são respostas ao limite de gastos anunciado pela equipe econômica para cada órgão. O governo tem até esta sexta-feira, 30, para enviar o Orçamento de 2020 ao Congresso.

A carta mais longa é assinada pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, que pede aumento de R$ 9,8 bilhões em verbas previstas para despesas discricionárias (aquelas que não são obrigatórias, como pagamento de servidores e aposentados), para atingir a soma de R$ 26 bilhões.

O ministro mostra preocupação com temas caros ao governo Bolsonaro, como ampliação do número de escolas cívico-militares. Ainda afirma que há risco de “recepção desfavorável na sociedade em geral e na imprensa” se forem suspensas bolsas de estudo no País e exterior. Segundo Weintraub, a peça orçamentária de 2020 “impossibilita a destinação de menos da metade do orçamento que as universidades e institutos possuem atualmente”. “Com isso, haverá a paralização (sic) de cursos, campi e possivelmente instituições inteiras.”

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM), pede aumento de despesas discricionárias “não classificadas como ações e serviços públicos de saúde”, de R$ 1,2 bilhão para R$ 1,6 bilhão Segundo ele, a redução prevista ameaça a “continuidade” do Programa Farmácia Popular, que entrega medicamentos de graça ou com até 90% de desconto, e de ações para reestruturação dos Hospitais Universitários Federais. Medidas de melhorias de abastecimento de água e esgotamento sanitário em municípios com menos de 50 mil habitantes também ficariam comprometidas, diz Mandetta. Conteudo Estadão.

Comente

Três pessoas ficam feridas após desabamento de laje na zona Norte de Natal

30/08/2019

Vítimas foram socorridas e não correm risco de morte

Três pessoas ficaram feridas após o desabamento de uma laje em um estabelecimento comercial na Avenida Bacharel Tomaz Landim, na zona Norte de Natal. O caso aconteceu na noite dessa quinta-feira (29).

Segundo o Corpo de Bombeiro Militar do Rio Grande do Norte, que foi chamado para a ocorrência, duas pessoas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a terceira pelo próprio Corpo de Bombeiros. Elas não correm risco de morte.

Três pessoas ficaram feridas após o desabamento de uma laje em um estabelecimento comercial na Avenida Bacharel Tomaz Landim, na zona Norte de Natal. O caso aconteceu na noite dessa quinta-feira (29).

Segundo o Corpo de Bombeiro Militar do Rio Grande do Norte, que foi chamado para a ocorrência, duas pessoas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a terceira pelo próprio Corpo de Bombeiros. Elas não correm risco de morte.

Ainda de acordo com os Bombeiros, a estrutura que desabou estava passando por uma reforma.

Fonte Portal No Ar.

Comente

Poço Branco: Prefeitura Fez a 8ª Conferência Municipal de Assistência Social

29/08/2019

É Tempo de Mudança

A imagem pode conter: 3 pessoas

Poço Brando sediou na manhã de hoje (29), a 8ª Conferência Municipal de Assistência Social. Com a temática, “Assistência Social: Direito do povo com financiamento público e participação social”, o evento foi realizado no CRAS e contou com a presença do prefeito Waldemar de Gois, da vice-prefeita e secretária de Assistência Social, Tina Galdino, de secretários, vereadores e representantes de grupos segmentados da sociedade civil, como por exemplo, representantes dos trabalhadores rurais. Além disso, a palestrante e assistente social, Maria Gorete Gabriel de Castro também marcou presença.

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas em pé e área interna

A imagem pode conter: 7 pessoas, pessoas em pé e área interna

Comente

Contas públicas têm déficit de R$ 5,9 bilhões, o menor em 5 anos

29/08/2019

Meta de déficit primário está estipulada em R$ 139 bi

Agência Brasil

As contas públicas fecharam julho com o melhor resultado para o mês desde 2014. O déficit primário, que são as receitas menos as despesas, sem considerar os gastos com juros, ficou em R$ 5,995 bilhões, informou nesta quinta-feira (29) a Secretaria do Tesouro Nacional.

Em julho de 2018, o déficit primário do Governo Central foi maior: R$ 7,488 bilhões. “Essa melhora é explicada, pela elevação real da receita líquida em R$ 4,3 bilhões (3,9%) acima da elevação real da despesa total de R$ 2,6 bilhões (2,2%)”, diz o Tesouro.

Nos sete meses do ano, o Governo Central registrou déficit primário de R$ 35,249 bilhões. Em 2018, o déficit acumulado nos sete primeiros meses atingiu R$ 39,081 bilhões.

Segundo o Tesouro, a redução do déficit primário no acumulado até julho decorreu da “diminuição das despesas discricionárias (não obrigatórias) que, até julho de 2019, foram R$ 12 bilhões inferiores às do mesmo período de 2018”. Além disso, no acumulado, a receita líquida apresentou elevação real de R$ 2,6 bilhões.

Meta

Para este ano, a meta de déficit primário está estipulada em R$ 139 bilhões. Para atingir essa meta, o governo já contingenciou (bloqueou) R$ 31,22 bilhões do orçamento deste ano.

Comente

Moro e Bolsonaro trocam afagos em evento no Planalto

29/08/2019

Presidente e ministro deram sinais de alinhamento

Após semanas de confronto, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, deram sinais de alinhamento e trocaram afagos em evento de lançamento do “Em Frente, Brasil”, realizado nesta quinta-feira, 29, no Palácio do Planalto.

O primeiro sinal de reaproximação ocorreu no começo do evento. A pedido de Bolsonaro, o ministro atrasou a sua descida pela rampa que leva ao salão do evento para acompanhar o presidente. Na rampa, eles se abraçaram e foram aplaudidos pelos presentes. Depois sentaram um ao lado do outro. Os demais ministros desceram separadamente. Em seu discurso, Bolsonaro disse que Moro “é um patrimônio nacional” que abriu mão de 22 anos de magistratura “não para entrar numa aventura, mas sim na certeza que todos nós juntos podemos fazer melhor para nossa pátria”.

O presidente afirmou mais de uma vez que seus ministros têm “liberdade”. “Eles devem satisfação a vocês, povo brasileiro. E eles têm uma coisa importante: iniciativa. Têm essa liberdade de buscar soluções ao nosso Brasil”, declarou o presidente. Moro também fez acenos ao presidente. Afirmou que o programa “Em Frente Brasil” foi desenvolvido seguindo orientações de Bolsonaro. “É certo que não devemos ignorar esforços que governadores e prefeitos estão fazendo, mas é inegável o mérito do governo federal e do presidente”, disse.

O ministro declarou que a criminalidade tem caído em ritmo mais rápido no governo Bolsonaro, o que, segundo ele, não tem sido corretamente observado pela imprensa. “Não me lembro de outro período com redução de 20% dos homicídios nos 4 primeiros meses de governo”, declarou ele.

O “Em frente Brasil” prevê a união das forças de segurança municipal, estadual e federal para atacar o problema de violência urbana. O projeto-piloto será feito em cinco cidades, uma em cada região do País: Ananindeua (PA), Paulista (PE), Caiacica (ES), São José dos Pinhais (PR) e Goiânia (GO). A ideia é aliar medidas de segurança pública e ações sociais e econômicas. Fonte Conteudo Estadão.

Comente

Operação da Polícia Civil apreende menino de 11 anos por roubos em Nísia Floresta

29/08/2019

Na primeira fase da operação, um adolescente já tinha sido apreendido

Policiais civis, em conjunto ao CPRE, apreenderam dois adolescentes nesta quinta-feira (29). Eles são suspeitos de participação em uma série de assaltos no Segundo Conjunto da Caixa, no município de Nísia Floresta, na Grande Natal.

De acordo com a polícia, um dos adolescentes tem apenas 11 anos, fator que chamou a atenção dos policiais. Segundo relatos de testemunhas, ele era um dos mais agressivos nas abordagens.

Na 1ª fase da Operação “Meninos da Caixa”, deflagrada na última quinta feira (22), a Polícia Civil já havia apreendido outro adolescente suspeito de integrar o grupo.

A investigação apurou que os suspeitos, acompanhados da criança e de outros adolescentes, são apontados como autores de diversos assaltos na região do Segundo Conjunto da Caixa. Segundo a polícia, o grupo andava com armas de fogo e invadia as casas das vítimas.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181 ou do Disque Denúncia da Delegacia Municipal de Nísia Floresta, por meio do aplicativo WhatsApp, através do número: (84) 98118-7675. Portal No Ar.

Comente