Denuncia - 14/09/2020

Lava Jato denuncia Lula por lavagem de R$ 4 milhões em instituto; Palocci e Paulo Okamotto também denunciados

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil (13.jun.2016) 

A força-tarefa da Lava Jato no Paraná apresentou nova denúncia contra Lula. O ex-presidente foi acusado de lavagem de dinheiro por doações de R$ 4 milhões da Odebrecht para o Instituto Lula, entre dezembro de 2013 e março de 2014. 

Segundo a denúncia, foram feitas quatro transferências de R$ 1 milhão no período. Segundo as investigações, a origem do dinheiro eram contratos obtidos na Petrobras por meio de fraude em licitações. 

O dinheiro foi descontado do caixa-geral de propinas que a empreiteira mantinha em favor do PT, retirado da rubrica “Planilha Italiano” (referência a Antonio Palocci) e da subconta “amigo” (Lula). 

A denúncia apresenta como uma das provas a anotação “Doação Instituto 2014”, no valor de R$ 4 milhões. A Planilha Italiano guardava no total R$ 35 milhões para atender demandas do PT. 

Os pedidos de liberação do dinheiro eram feitos por Palocci e os repasses eram autorizados diretamente por Marcelo Odebrecht, segundo as investigações. 

Também foram acusados por lavagem, na mesma denúncia, Palocci e Paulo Okamotto, então presidente do Instituto Lula. O MPF pede que todos sejam condenados a reparar os cofres públicos com os R$ 4 milhões doados. 

O Antagonista 

Faça Seu Comentário:

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

 

Comentários

disse:

em 31/12/1969 - 09:12