Estudo sugere que ivermectina pode reduzir mortalidade por Covid-19

01/03/2021

Editora que vai publicar pesquisa, porém, é envolvida em polêmicas. Em 2015, publicou estudo que questionava existência do HIV, vírus que causa a Aids

Estudo sugere que ivermectina pode reduzir mortalidade por covid-19

Um novo estudo científico, já revisado por pares, aponta que o uso do vermífugo ivermectina pode reduzir em até 75% o risco de hospitalizações e mortes por Covid-19, infecção causada pelo novo coronavírus. O remédio tem sido defendido pelo prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB), no combate à pandemia. De acordo com o jornal britânico Daily Mail, o estudo será publicado em breve no Frontiers in Pharmacology, um jornal científico americano considerado de baixa reputação entre a comunidade científica. Em 2015, o mesmo jornal publicou um estudo que questionava a existência do HIV, vírus que causa a Aids. Vários outros estudos publicados no Frontiers foram rejeitados por tradicionais revistas científicas, como a Nature. Apesar disso, a pesquisa indica que as evidências de que a droga funciona são tão fortes que a ivermectina – usada tradicionalmente para tratar piolhos e sarna – deveria se tornar uma terapia padrão em todos os lugares, acelerando assim a recuperação global da pandemia. O co-autor do estudo, professor Paul Marik, diretor de emergência e atendimento pulmonar da Eastern Virginia Medical School, nos Estados Unidos, disse ao Daily Mail que “os dados são impressionantes”. “Se usarmos ivermectina amplamente, nossas sociedades podem se abrir”, afirmou ele, sem explicar ao jornal como chegou às conclusões. Além deste, outros estudos sugerem que a ivermectina é eficaz contra a Covid-19. Entretanto, na maioria dos casos, para chegar à conclusão, os levantamentos consideraram apenas os resultados em laboratório ou uma dose muito alta do medicamento nos pacientes, acima dos limites previstos em bula. O uso demasiado da ivermectina pode causar lesões no fígado. Médicos recomendam a realização de exames para analisar a função hepática após altas doses do remédio. Uma pesquisa do professor Andrew Hill, da Universidade de Liverpool, por exemplo, chegou à conclusão que o vermífugo reduz as taxas de mortalidade em cerca de três quartos nos pacientes com coronavírus. Agora RN.

Comente

Natalenses reclamam de aglomerações nos ônibus e pedem aumento da frota

01/03/2021

Em um momento crítico da pandemia da Covid-19, passageiros enfrentam aglomerações dentro dos ônibus de Natal. De acordo com a Secretaria Municipal de Mobili

Natalenses reclamam de aglomerações nos ônibus e pedem aumento da frota

A realidade de quem depende do sistema de transporte público de Natal é de ônibus lotados e longas esperas nas paradas, além da perda das 20 linhas da frota que foram suspensas no início da pandemia da Covid-19 e ainda não retornaram. Em um momento crítico da doença em território potiguar, que enfrenta altas taxas de ocupação de leitos críticos Covid, utilizar o transporte público tem sido um desafio para os moradores da capital. Desde o ano passado, o serviço está com a frota reduzida. A vendedora Raquel Souza, de 30 anos, que mora na Zona Norte de Natal, relatou ao Agora RN que todos os dias depende de duas linhas para chegar no shopping Midway Mall, onde trabalha. O maior problema, segundo ela, é no retorno para casa, por volta das 22h, quando os ônibus estão sempre lotados por causa da quantidade de gente saindo do trabalho. Raquel está com suspeita de Covid-19 e está afastada do trabalho atualmente. “Todos os dias, na volta para casa, o ônibus 73 da Reunidas já para de frente ao shopping lotado. Nem parece que estamos em pandemia. Nesse momento, estou em isolamento esperando o resultado do teste. No dia 24, meu último de trabalho antes do atestado, voltei para casa em pé no 73, com muitas dores no corpo”, lamentou. Já o auxiliar de serviços gerais Sueleide Cely Chacon, de 48 anos, morador da Zona Oeste de Natal, enfrenta o mesmo problema com o transporte que utiliza. “Eu moro em Felipe Camarão, trabalho no Tirol, pego dois ônibus, o 21 ou 63 para rodoviária e, de lá, pego o 41 para chegar no serviço. É do mesmo jeito para voltar. Com os ônibus cheios, fico com medo de andar neles, mas preciso trabalhar”, relatou. Os natalenses precisam enfrentar ainda a ausência de algumas linhas que transitavam pela cidade. No ano passado, 20 linhas da frota (01A, 01B, 12-14, 13, 18, 20, 23-69, 30A, 31A, 34, 41B, 44, 48, 57, 65, 66, 81, 587, 588 e 592) foram retiradas das ruas sem aviso prévio pela Secretaria de Transporte Urbano (STTU), pegando de surpresa a população. Por conta da retirada, Telma Araújo, de 50 anos, que mora no bairro Nova Descoberta e dependia da linha 48, agora precisa pegar dois ônibus para chegar ao trabalho no bairro Barro Vermelho, onde trabalha como doméstica. “Como reduziram as linhas de ônibus, o que ainda passa em Nova Descoberta só vai até a Avenida Bernardo Vieira. De lá, a opção é pegar outro ou pagar um aplicativo de transporte para chegar no trabalho”, contou. A reportagem foi às ruas e conversou com alguns passageiros que aguardavam a linha 56 (Via Costeira/Ribeira). Segundo eles, só existem dois veículos circulando, em um intervalo de uma hora. Grande parte dos funcionários da rede de hotéis da Via Costeira depende desse transporte. Recepcionista de um hotel, Marcos Vinícius contou que já ficou mais de uma hora e meia aguardando o transporte. “Esse ônibus demora muito, se você perder ele é melhor pegar outra linha para tentar chegar em Ponta Negra. No mês passado, cheguei a esperar duas horas na parada e, quando passou, o motorista falou que demorou porque só tinha um ônibus rodando”, apontou. A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) alegou que a frota total do sistema de transporte está operando em 70% atualmente e que a frota de cada linha está variando de acordo com a demanda. A pasta ainda informou que está realizando o redesenho da rede de transporte e monitorando as linhas, porém não informou quando esta ação deve ser concluída. Questionada pela reportagem, a STTU não deu uma previsão de retorno de 100% da frota, nem do retorno das linhas retiradas em 2020. Em decreto publicado neste sábado 27, a Prefeitura do Natal afirmou que a frota de veículos do serviço de transporte público de passageiros pode sofrer alteração a qualquer momento, inclusive com alteração de horários e majoração ou minoração da frota, com o fim de evitar a aglomeração de pessoas nos veículos.

Comente

COVID: Médicos jamaicanos pedem que governo inclua Ivermectina em tratamento

01/03/2021

Covid-19

Com cerca de 22.267 infecções por COVID-19 e 410 mortes relatadas no país até quarta-feira passada (24/02), a Associação Médica da Jamaica (MAJ) está estimulando o Ministério da Saúde e Bem-Estar a considerar o medicamento Ivermectina como parte do regime de tratamento para pacientes com COVID. 

A recomendação do MAJ vem em um momento em que casos crescentes de coronavírus ameaçam sobrecarregar o sistema de saúde do país, com pelo menos nove dos 22 hospitais públicos já lotados. 

Até quarta-feira, as autoridades de saúde monitoravam 8.466 casos ativos de COVID-19, enquanto 34 pacientes moderadamente enfermos e 21 pacientes graves estavam entre as 275 pessoas em tratamento em hospitais. 

Neste contexto, o MAJ, em uma declaração na quinta-feira, defendeu a ivermectina, que observou ter sido usada com segurança por várias décadas para tratar várias doenças. 

O relatório disse que a Jamaica está em um ponto crítico na pandemia de COVID-19, com o número de internações hospitalares e mortes aumentando, enquanto o país aguarda seu primeiro embarque de vacinas. 

“Com a situação atual, o MAJ está recomendando que todas e quaisquer medidas cientificamente sólidas e seguras sejam empregadas para reduzir a disseminação, bem como para tratar o COVID-19”, disse o MAJ. 

Continuando, a associação disse: “A ivermectina tem sido usada com segurança por décadas no tratamento eficaz de certos parasitas em humanos. Propriedades antiinflamatórias e antivirais potentes foram agora demonstradas contra o SARS CoV-2. Um corpo significativo de evidências revisadas por pares surgiu agora apontando para o fato de que a ivermectina pode diminuir a contagem de casos e as taxas de mortalidade quando usada como agente profilático e quando usada no tratamento de todos os estágios de COVID-19. O perfil de segurança deste medicamento é bem demonstrado após 40 anos de uso clínico. ” 

O MAJ disse que com hospitais perto de sua capacidade total, ele acredita que o governo deve autorizar o uso de ivermectina, a critério de médicos qualificados, para profilaxia e terapia precoce para reduzir hospitalização, doenças graves e morte. 

“Um movimento urgente deve ser feito para importar suprimentos para o país”, afirmou o MAJ. 

“Observe que o uso profilático de ivermectina não confere imunidade e, como tal, ainda estamos convocando as pessoas a usarem máscaras, desinfetantes para as mãos e distância social quando em espaços públicos. Também recomendamos que as pessoas sejam vacinadas quando as vacinas COVID-19 estiverem disponíveis”, acrescentou. 

Fonte: Portal Grande Ponto 

Comente

VÍDEO: PM desenterra 30 kg de maconha na Grande Natal; veja Fonte: Portal Grande Ponto

01/03/2021

Apreensão

 

Na tarde deste domingo (28), a Força Tática, em patrulhamento no bairro Cajupiranguinha, em área de mata, se deparou com três indivíduos que estavam enterrando algum material. Na abordagem, os policiais desenterraram o entorpecente, que se tratava de aproximadamente 30 quilos de maconha. 

Dos três indivíduos, um é maior de idade e os outros dois, menores. Eles foram conduzidos à delegacia para procedimento. 

Fonte: Portal Grande Ponto 

Comente

Detran-RN suspende parte do atendimento presencial por causa da Covid; veja serviços mantidos

01/03/2021

Atendimento presencial foi suspenso a partir desta segunda (1º) até o dia 12, mas serviços como provas práticas e teórica de habilitação foram mantidos.

Por G1 RN

Central de Atendimento ao Detran em Natal RN (Arquivo) — Foto: Divulgação

Central de Atendimento ao Detran em Natal RN (Arquivo) — Foto: Divulgação

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) suspendeu parte dos atendimentos presenciais até 12 de março para atender a portaria do governo do Rio Grande do Norte, que determinou suspensão de atendimento ao público externo em órgãos públicos estaduais. Porém, alguns serviços foram mantidos. 

As provas teórica e prática para habilitação de novos motoristas, por exemplo, serão mantidas, além dos exames médicos e psicológicos. Os serviços online também estão todos mantidos, segundo o órgão. 

De acordo com o Detran, as medidas têm intenção de minimizar a suspensão dos serviços, pensando no seu público-alvo. As decisões foram tomadas após reunião técnica da equipe de gestão, "de forma controlada em relação ao fluxo de pessoas e seguindo rigorosamente os critérios sanitários estabelecidos pelas autoridades sanitárias estaduais". 

Serviços mantidos 

  • Renovação de CNH (Serviço on-line – Site Detran/RN); 

  • Segunda via de CNH (Serviço on-line – Site Detran/RN); 

  • Emissão de Permissão Internacional para Dirigir (PID) - (Serviço on-line – Site Detran/RN); 

  • Emissão de CNH Definitiva (Serviço on-line – Site Detran/RN); 

  • Prova Teórica de Habilitação (Presencial Unidades - Sede Natal e Mossoró); 

  • Prova Prática de Habilitação (Presencial Unidades - Sede Natal e Mossoró); 

  • Prova Prática Itinerante. 

  • Exames Médicos (Presencial em Natal e Mossoró - Clínicas Credenciadas pelo Detran); 

  • Exames Psicológicos (Presencial em Natal, Mossoró e Parnamirim - Clínicas Credenciadas pelo Detran). 

  • Liberação de Veículos Apreendidos (Presencial - Unidades - Sede Natal e Mossoró). 

  • Manutenção Semafórica (Equipe Presencial); 

  • Serviço de avaliação técnica e sinalização das rodovias estaduais (Equipe Presencial). 

5- Outros Serviços disponíveis no site do Detran/RN (on-line) 

  • Emissão de Boletos; 

  • Consulta de Veículos; 

  • Emissão de CRLV digital; 

  • Consulta de Condutor; 

Unidades estão com serviços suspensos até o dia 12 de março ou até melhoria dos índices da pandemia. 

Serviços suspensos 

  • Vistoria de veículos; 

  • Abertura de processos de transferência de veículos; 

  • Registro de veículos novos; 

  • Prova Teórica Itinerante. 

  • Exames Médicos e Psicológicos nas Centrais do Cidadão e nos Grupos Executivos 

Ainda de acordo com o Detran, o agendamentos dos serviços suspensos no período de 1 a 12 de março de 2021 serão cancelados. Portanto, o usuário terá que realizar um novo agendamento. 

"Todos os usuários com agendamento para esse período estão recebendo e-mails informativos emitidos pelas coordenadorias do Detran responsáveis", informou o órgão. 

Comente

Idosos casados há 63 anos morrem de Covid-19 no mesmo dia no interior do RN

01/03/2021

João Cipriano de Araújo, de 95 anos, e Joana Elisia de Araújo, 86 anos, morreram em casa em São João do Sabugi.

Inter TV Costa Branca

oão Cipriano de Araújo, de 95 anos, e Joana Elisia de Araújo, 86 anos, eram casados há 63 anos — Foto: Arquivo da família

oão Cipriano de Araújo, de 95 anos, e Joana Elisia de Araújo, 86 anos, eram casados há 63 anos — Foto: Arquivo da família

Um casal de idosos morreu de Covid-19 no mesmo dia em São João do Sabugi, na região Seridó do RN. João Cipriano de Araújo, de 95 anos, e Joana Elisia de Araújo, 86 anos, eram casados há 63 anos. Eles morreram em casa, no domingo (28), em um intervalo de aproximadamente sete horas. 

Segundo a neta do casal, Jorgânia Medeiros, de 27 anos, os idosos tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no dia 11 de fevereiro. Oito dias depois os dois começaram a sentir sintomas da doença. No dia 24 o casal fez exames e testou positivo para o coronavírus. 

Ainda de acordo com a neta os idosos não chegaram a ser internados e morreram em casa: Dona Joana, às 4h, e Seu João Cipriano, às 11h30. "A família está muito abalada, mas sabendo que eles foram para o repouso eterno. Só nos resta saudades", relatou, emocionada. 

Os corpos foram enterrados no domingo - sem velório. 

 

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), o Rio Grande do Norte registrou até domingo (28) 166.895 casos confirmados de Covid-19 e 3.585 mortes pela dornça. 

 

Comente

Primeiro fim de semana com toque de recolher tem duas pessoas detidas por desobediência no RN

01/03/2021

Segundo Secretaria de Segurança, casos aconteceram em Natal e São José do Campestre, onde clientes se recusavam a deixar bares após as 22h.

Por G1 RN

Duas pessoas foram detidas por desobediência a decreto que determina toque de recolher, no Rio Grande do Norte. — Foto: Sesed/Divulgação

Duas pessoas foram detidas por desobediência a decreto que determina toque de recolher, no Rio Grande do Norte. — Foto: Sesed/Divulgação

O primeiro fim de semana de vigência do toque de recolher no Rio Grande do Norte teve duas pessoas detidas por desobediência, segundo a Secretaria de Segurança do Rio Grande do Norte. Apesar disso, as autoridades consideraram a situação tranquila. A circulação de pessoas está proibida entre 22h e 5h, exceto para alguns trabalhadores e atividades. 

Na noite do sábado (27), em Natal, um homem foi detido no bairro Potengi, na Zona Norte, ao se recusar a deixar o bar em que bebia. Passava das 22h45 quando a Polícia Militar chegou ao local e levou o homem para a Delegacia de Plantão. 

Já neste domingo (28), uma ocorrência semelhante aconteceu em São José do Campestre, onde um homem também resistiu ao cumprimento do decreto. Segundo a Sesed, ele foi detido e levado para a Delegacia Regional de Nova Cruz. 

Nos dois casos, segundo a Polícia Civil, foi assinado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e os detidos liberados para irem imediatamente para seus lares. 

O toque de recolher no Rio Grande do Norte teve início na noite do sábado (27), após a publicação de um decreto com novas medidas que visam reduzir aglomerações e a pressão por leitos críticos de UTI para Covid-19. 

Serviços que podem funcionar 

 

  • serviços públicos essenciais (como segurança, saúde, entre outros) 

  • farmácias; 

  • indústrias; 

  • postos de combustíveis; 

  • hospitais, demais unidades de saúde e de serviços odontológicos e veterinários de emergência; 

  • laboratórios de análises clínicas; 

  • segurança privada; 

  • imprensa, meios de comunicação e telecomunicação em geral; 

  • funerárias; 

  • exercício da advocacia na defesa da liberdade individual; 

  • serviços de alimentação, exclusivamente para delivery; 

  • serviços de transporte coletivo urbano. 

  • Trabalhadores que estão indo de casa para o trabalho ou do trabalho para casa também podem circular. 

Comente

Paciente transferido do AM para tratamento da Covid-19 no RN morre em Natal

01/03/2021

Óbito aconteceu na última quinta-feira (25), mas só foi divulgado agora.

Por G1 RN

Huol foi uma das unidades hospitalares do RN que recebeu pacientes transferidos do AM — Foto: Assessoria HUOL/Divulgação

Huol foi uma das unidades hospitalares do RN que recebeu pacientes transferidos do AM — Foto: Assessoria HUOL/Divulgação

Um dos pacientes transferidos do Estado do Amazonas para tratamento da Covid-19 no Rio Grande do Norte não resistiu às complicações da doença e morreu. 

De acordo com o Hospital Universitário Onofre Lopes (Huol), onde ele estava internado, o paciente de 38 anos, do sexo masculino, integrou o primeiro grupo de transferidos que chegou ao RN no dia 18 de janeiro. 

O paciente morreu na última quinta-feira (25), mas o Huol aguardou a família ser comunicada e tomar as providências legais para divulgar a informação. 

Do total de 16 amazonenses recebidos no Huol, uma paciente segue internada em enfermaria, utilizando cateter nasal de oxigênio e com previsão de alta para a próxima terça-feira (2). 

Pacientes transferidos do AM para o RN 

Em situação de colapso, a rede de saúde da capital amazonense recebeu apoio de outros estados. Ao todo, o Rio Grande do Norte recebeu 40 pacientes do Amazonas para tratamento da Covid-19. Eles foram encaminhados para o Hospital Universitário Onofre Lopes, Hospital Giselda Trigueiro e Hospital de Campanha de Natal. 

No dia 26 de janeiro outro paciente transferido do Amazonas para o RN morreu no Hospital de Campanha de Natal. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o paciente era um homem de 22 anos de idade. 

Comente

Primeira noite do toque de recolher no RN tem confusão e gritaria; assista

28/02/2021

Toque de Recolher

 

A primeira noite do toque de recolher em Natal, neste sábado (26) teve direito a confusão, gritaria e empurrões.  

As forças de segurança precisaram agir para encerrar aglomerações na Cidade da Esperança, na Avenida Bernardo Vieira e nas Rocas.  

Foi exatamente nas Roças as cenas de maior confusão. Policiais precisaram agir em meio a muita gritaria e empurrões. Assista acima.  

Fonte: Portal Grande Ponto 

Comente

RN recebeu mais de R$ 23 bilhões do governo federal em 2020, diz Bolsonaro

28/02/2021

Repasses do Governo Federal pra o RN Passa dos 23 Bi

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) divulgou nas suas redes sociais neste domingo (28) uma lista com quanto enviou para cada estado da Federação em 2020 com o objetivo de combater a pandemia do coronavírus. Confira a lista abaixo, na íntegra. 

Repasses do Governo Federal para cada estado só em 2020. 

 

  • Valores diretos: saúde e outros. 

  •  

  • Valores indiretos: suspensão e renegociação de dívidas: 

Acre: R$ 6,8 bilhões. 
Auxílio: R$ 1,38 bilhão. 

Alagoas: R$ 18,09 bilhões. 
Auxílio: R$ 5,46 bilhões 

Amazonas: R$ 18,5 bilhões. 
Auxílio: R$ 6,84 bilhões. 

Amapá: R$ 6,7 bilhões. 
Auxílio: R$ 1,47 bilhões. 

Bahia: R$ 67,2 bilhões. 
Auxílio: R$ 25,35 bilhões. 

Ceará: R$ 42,5 bilhões. 
Auxílio: R$ 15,17 bilhões. 

Distrito Federal: R$ 9,8 bilhões 
Auxílio: R$ 3,45 bilhões. 

Espírito Santo: R$ 16,1 bilhões. 
Auxílio: R$ 5,57 bilhões. 

Goiás: R$ 27,1 bilhões. 
Auxílio: R$ 9,95 bilhões. 

Maranhão: R$ 36 bilhões. 
Auxílio: R$ 11,8 bilhões. 

Mato Grosso: R$ 15,4 bilhões. 
Auxílio: R$ 4,96 bilhões. 

Mato Grosso do Sul: R$ 11,9 bilhões. 
Auxílio: R$ 3,71 bilhões. 

Minas Gerais: R$ 81,4 bilhões. 
Auxílio: R$ 26,96 bilhões. 

Pará: R$ 39,5 bilhões. 
Auxílio: R$ 14,71 bilhões. 

Paraíba: R$ 21,2 bilhões. 
Auxílio: R$ 6,57 bilhões. 

Paraná: R$ 38,6 bilhões. 
Auxílio: R$ 13,7 bilhões. 

Pernambuco: R$ 42,7 bilhões. 
Auxílio: R$ 16,2 bilhões. 

Piauí: R$ 19 bilhões. 
Auxílio: R$ 5,68 bilhões. 

Rio de Janeiro: R$ 76 bilhões. 
Auxílio: R$ 24,94 bilhões. 

Rio Grande do Norte: R$ 18,3 bilhões. 
Auxílio: R$ 5,55 bilhões. 

Rio Grande do Sul: R$ 40.9 bilhões. 
Auxílio: R$ 12,2 bilhões. 

Rondônia: R$ 8,6 bilhões. 
Auxílio: R$ 2,64 bilhões. 

Roraima: R$ 5,1 bilhões. 
Auxílio: R$ 1,04 bilhão. 

Santa Catarina: R$ 21,6 bilhões. 
Auxílio: R$ 7,22 bilhões. 

São Paulo: R$ 135 bilhões. 
Auxílio: R$ 55,19 bilhões. 

Sergipe: R$ 12,9 bilhões. 
Auxílio: R$ 3,85 bilhões. 

Tocantins: R$ 10,5 bilhões. 
Auxílio: R$ 2,28 bilhões. 

Fontes: Portal da Transparência/Localiza SUS/Senado Federal 

Dados até 15 de janeiro de 2021 

 

 

Fonte: Portal Grande Ponto 

Comente

FUX: “Se a Lava Jato for anulada, teremos que devolver dinheiro aos corruptos”

28/02/2021

Lava Jato

Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) em um dos momentos de tensão motivados por ataques vindos de parlamentares bolsonaristas, o ministro Luiz Fux manteve-se altivo na defesa das instituições, comandando a reação aos que desejavam desestabilizar a democracia. 

“A prisão do deputado Daniel Silveira foi uma mensagem do STF de que ameaças à democracia não serão toleradas”, disse em entrevista à ISTOÉ. Para ele, a liberdade de expressão deve ser preservada, “mas falas de ódio contra as instituições, que visam desacreditar o sistema democrático, devem ser punidas”. 

Aos 67 anos e um dos maiores defensores da Lava Jato, Fux não acredita que o Judiciário vá anular todas as ações da operação, sobretudo as que foram baseadas em “provas fartas”. 

Ele diz que se a Lava Jato for anulada “o Judiciário terá de contratar um contador para devolver dinheiro para os corruptos e corruptores”. 

IstoÉ 

 

Comente

Bandidos arrombam agência bancária, mas não conseguem levar dinheiro na Grande Natal

28/02/2021

Criminosos destruíram portas de entrada de agência em São Gonçalo do Amarante, mas não conseguiram ter acesso a caixas eletrônicos e cofre e saíram sem n

Por Inter TV Cabugi

Bandidos arrombaram agência bancária em São Gonçalo do Amarante — Foto: Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi

Bandidos arrombaram agência bancária em São Gonçalo do Amarante — Foto: Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi

Bandidos arrombaram na madrugada deste domingo (28) uma agência bancária no município de São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana. Apesar de entrarem no local, os criminosos não conseguiram levar o dinheiro e nada de valor, segundo o gerente da agência, que preferiu não se identificar. 

O crime aconteceu por volta das 3h30. Os criminosos atiraram contra uma câmera de segurança e em seguida quebraram uma porta de vidro que dá acesso à agência. Dentro do local, eles derrubaram mais uma porta de entrada. 

Apesar da destruição do estabelecimento, eles não conseguiram arrombar nenhum caixa eletrônico e nem tiveram acesso ao cofre da agência. 

Mesmo com os bandidos tendo atirado contra uma câmera de segurança, outras internamente conseguiram gravar a ação criminosa. As imagens serão usadas para investigação da Polícia Civil. 

 

Comente

Secretaria de Saúde transfere mais 3 pacientes com Covid-19 de avião da Grande Natal para o interior do RN

28/02/2021

Essa é a 11ª transferência aérea desde o dia 20 de março, de acordo com a Sesap. Pacientes foram transferidos para Hospital Cleodon Carlos de Andrade, em P

Por G1 RN

Sesap realizou mais um transporte aéreo de passageiros — Foto: Divulgação

Sesap realizou mais um transporte aéreo de passageiros — Foto: Divulgação

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) transferiu de avião neste domingo (28) mais três pacientes da Região Metropolitana de Natal para o interior do Rio Grande do Norte. O destino dessa vez são os leitos do Hospital Cleodon Carlos de Andrade, em Pau dos Ferros. 

Segundo a Sesap, esta é a 11ª transferência aérea feita pela pasta desde 20 de fevereiro. Já foram pacientes para Caicó, Mossoró, Currais Novos, São Paulo do Potengi e Pau dos Ferros. 

Isso tem ocorrido em função da taxa de ocupação dos leitos críticos na Grande Natal, que há cerca de uma semana está na casa dos 90%. Ao todo, também com transferências terrestres, mais de 30 pacientes já saíram da Grande Natal. 

Neste domingo, no entanto, a taxa de ocupação da Região Oeste (91%) ultrapassou a da Região Metropolitana (89%), segundo o Regula RN, plataforma que monitora em tempo real as internações no estado. 

Os pacientes transferidos neste domingo são três mulheres. Uma de 55 anos, que estava internada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Pirangi, estável e respirando com ajuda de oxigênio; uma de 72 anos, que estava internada na UPA de Nazaré em Parnamirim, respirando com ajuda de oxigênio e estável; e outra mulher de 50 anos fazendo uso de cateter com oxigênio e também estável, estava internada na UPA de Nazaré em Parnamirim. 

 

O Hospital de Pau dos Ferros é referência em atendimento Covid-19 na Região do Alto Oeste. A unidade dispõe de 31 leitos, sendo 13 de UTIs críticas, 15 leitos clínicos e três leitos de estabilização. 

Comente

RN inicia toque de recolher e Natal amanhece com acesso à orla fechado

28/02/2021

Forças de segurança atuaram na fiscalização durante noite e madrugada entre sábado (27) e domingo (28) e uma pessoa foi presa. Praias tiveram acessos fecha

Por G1 RN

Primeiro dia do toque de recolher no Rio Grande do Norte, 28/02/2021, Natal, pandemia Covid-19 — Foto: Elisa Elsie

Primeiro dia do toque de recolher no Rio Grande do Norte, 28/02/2021, Natal, pandemia Covid-19 — Foto: Elisa Elsie

O Rio Grande do Norte teve entre a noite deste sábado (27) e a madrugada deste domingo (28) o primeiro dia do toque de recolher no estado, que foi decretado pela governadora Fátima Bezerra (PT) para conter o avanço da Covid-19 após o agravamento da pandemia. 

Na manhã deste domingo (28), a orla de Natal também amanheceu com os acessos e espaços para estacionamento fechados. A medida é em cumprimento ao decreto publicado pelo prefeito Álvaro Dias (PSDB) no sábado (27), que proíbe o acesso às orlas nos fins de semana e feriados. 

Acesso à orla de Ponta Negra estava fechado — Foto: Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi

Acesso à orla de Ponta Negra estava fechado — Foto: Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi

Para o cumprimento das medidas do toque de recolher, forças de seguranças - entre bombeiros, policiais militares e civis, guardar municipais e agentes de trânsito - fiscalizaram entre 22h e 5h as ruas do estado.

Para o cumprimento das medidas do toque de recolher, forças de seguranças - entre bombeiros, policiais militares e civis, guardar municipais e agentes de trânsito - fiscalizaram entre 22h e 5h as ruas do estado. 

O decreto publicado pelo governo a circulação de pessoas nas ruas e o funcionamento de serviços não essenciais durante esse período. (Veja aqui o que mudou e o que pode funcionar durante esses horários). 

De acordo com a Delegacia Geral, o único registro de desobediência aconteceu no bairro Potengi, na Zona Norte de Natal, por volta das 22h45. Foi preciso intervenção da Polícia Militar, que conduziu um homem para a plantão após ele se recusar a deixar um bar. Ele assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e em seguida foi liberado para ir diretamente para casa. 

Segundo o governo do RN, a atuação das forças de segurança funcionou e a população também aderiu ao decreto. 

 

"A população entendeu o momento difícil que estamos vivendo e está seguindo as orientações. As nossas forças de segurança estão fazendo um trabalho pedagógico, orientador neste momento, e a população correspondeu plenamente", disse o vice-governador Antenor Roberto. 

Comente

Aneel mantém tarifa de bandeira amarela para março

28/02/2021

Em nota, a agência explicou que os reservatórios das hidrelétricas estão com volume reduzido, embora tenham ocorrido chuvas recentes nas bacias do Sistema I

Aneel mantém tarifa de bandeira amarela para março

Dessa forma, o consumidor pagará R$1,343 para cada 100kWh utilizados. Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

 

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou sexta-feira (26) que a bandeira tarifária permanecerá amarela no mês de março. Dessa forma, o consumidor pagará R$1,343 para cada 100kWh utilizados. Em nota, a agência explicou que os reservatórios das hidrelétricas estão com volume reduzido, embora tenham ocorrido chuvas recentes nas bacias do Sistema Interligado Nacional (SIN). O valor extra das bandeiras é usado para custear o acionamento das usinas termelétricas, que custam mais para gerar energia. Criado pela Aneel, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica. O cálculo para acionamento das bandeiras tarifárias leva em conta, principalmente, dois fatores: o risco hidrológico (GSF, na sigla em inglês) e o preço da energia (PLD). As bandeiras tarifárias funcionam da seguinte maneira. As cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração, sendo a bandeira vermelha a que tem um custo maior e a verde, o menor. A agência recomenda que, diante da cobrança da tarifa amarela, os consumidores façam uso consciente dos aparelhos elétricos e evitem o desperdício de energia.

Comente

Prefeitura do Natal decreta fechamento da orla nos fins de semana e permite aulas da rede privada de ensino

28/02/2021

Decreto proíbe a concentração, circulação e permanência de pessoas na orla urbana durante os sábados, domingos e feriados, além de determinar novos hor

Praia de ponta negra 7

Orla terá acesso restrito nos fins de semana. Foto: José Aldenir/Agora RN

 

A Prefeitura do Natal publicou novo decreto em edição extra do Diário Oficial do Município na noite deste sábado 27, disciplinando o funcionamento do comércio, restaurantes e restringindo o uso da orla urbana da cidade. A decisão permite a manutenção de aulas presenciais na rede privada de ensino, apesar do decreto do Governo do Estado e da recomendação dos Ministérios Públicos Estadual, Federal e do Trabalho. Além disso, o decreto municipal orienta que repartições públicas e privadas priorizem trabalho remoto sempre que for possível, e nos casos de manter expediente presencial observar horários com intuito de evitar a aglomeração de pessoas no sistema de transporte coletivo municipal. O decreto entra em vigor com sua publicação. O atual decreto proíbe a concentração, circulação e permanência de pessoas na orla urbana de Natal durante os sábados, domingos e feriados. Os casos excepcionais são para práticas de atividades físicas de forma individual e que não causem aglomerações. Barracas, quiosques e similares das praias podem funcionar de segunda-feira à sexta-feira, mas não nos fins de semana e feriados. Além disso, fica proibida a venda de bebidas alcoólicas entre as 22h e às 06h, todos os dias da semana. A STTU e a SEMDES são as secretarias autorizadas a proceder com o fechamento das vias públicas de acesso às praias urbanas e a autoridade municipal de trânsito disciplinará a proibição de estacionamento nas proximidades das respectivas praias. Comércio O comércio de rua deve obedecer à restrição de abertura de suas portas somente a partir das 9h e com fechamento às 17h, nos dias de semana e aos sábados, das 9h às 13h. Supermercados, Hipermercados e lojas de Atacarejo podem funcionar das 7h às 22h todos os dias da semana; os shoppings das 10h às 21h todos os dias da semana; restaurantes, pizzarias, lanchonetes, bares, food parks e similares podem funcionar a partir das 11h, todos os dias da semana, com o encerramento do atendimento ao público às 22h, e fechamento de suas atividades operacionais até, no máximo, às 23h. O decreto observa ainda que todos os estabelecimentos devem seguir as regras de medidas sanitárias preventivas para evitar a propagação do vírus. Outra medida reforçada no presente decreto é a proibição de venda de bebida alcoólica na cidade por qualquer estabelecimento, após as 22h até às 06h. Ensino privado As escolas da rede privada têm autonomia de seguir com o ensino presencial. Mas os pais devem ter o direito de escolher a modalidade melhor aplicada ao aluno, seja do ensino Médio, Fundamental ou Infantil, entre aula presencial e remota. As instituições de ensino superior também têm autorização para abrir e funcionar de forma presencial, sendo indicada a forma híbrida, com opção de aulas remotas. Condomínios As áreas de lazer dos condomínios residenciais devem permanecer fechadas e sem atividades coletivas, principalmente as piscinas e áreas de churrasqueiras. Transporte público A frota de veículos do serviço de transporte público de passageiros pode sofrer alteração a qualquer momento, inclusive com alteração de horários e majoração ou minoração da frota, com o fim de evitar a aglomeração de pessoas nos veículos. Alegações O atual decreto é baseado no que determina o Supremo Tribunal Federal, que compete aos Municípios definir e disciplinar as regras sanitárias de prevenção e enfrentamento à Covi-19, bem como fiscalizar o seu fiel cumprimento. Estas novas medidas levam em consideração a disseminação acentuada dos casos de Covid-19, confirmados pelo aumento significativo desde dezembro de 2020, chegando a 64% de exames positivos realizados pelo IMT-UFRN em fevereiro de 2021. O quadro dramático que vive a cidade atualmente, tem se agravado ainda mais recentemente com a ocupação dos leitos críticos para tratamento da doença, chegando a superar os 85% nos hospitais públicos potiguares, com as Unidades de Terapia Intensiva sem vagas e sem os hospitais terem condições para abrigar e socorrer novos pacientes diagnosticados com Covid-19. A população tem relaxado sistematicamente na utilização das medidas profiláticas, o que tem levado ao agravamento do quadro na cidade, e mais ainda com as recentes aglomerações dos períodos festivos de fim de ano e do feriado do carnaval. Além disso, o Rio Grande do Norte, entrou em estado de alerta no último dia 20 de fevereiro, após o Instituto de Medicina Tropical, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (IMT-UFRN) confirmar a circulação de duas novas variantes do coronavírus, a P.1, inicialmente identificada em Manaus (AM), e a P.2, registrada no Rio de Janeiro (RJ), às quais são associadas a uma maior dispersão e transmissibilidade do vírus. Ficam mantidos os protocolos que determinam a adoção das medidas sanitárias como higienização, distanciamento social e demais medidas de enfrentamento à Covid-19 previstas no Decreto Municipal nº. 12.135, de 23 de dezembro de 2020, republicado em 29 de dezembro de 2020, mas com observância às novas restrições, bem como às novas especificações de horário estatuídas no presente Decreto. Agora RN. 

Comente

De férias em Cancún, prefeito de capital brasileira decidiu por lockdown

28/02/2021

Covid-19

Enquanto discutia novas medidas de isolamento com outros prefeitos e o governo de Santa Catarina, Gean Loureiro, prefeito de Florianópolis, passava férias em Cancún, no México, segundo a emissora SSC SBT. 

O prefeito gravou do hotel em que está hospedado no Caribe os últimos pronunciamentos sobre o colapso no sistema de saúde de Florianópolis e o anúncio de novas medidas de restrições. 

Em nota, a assessoria da prefeitura confirmou a estadia de Loureiro em Cancún e afirmou que o prefeito antecipou seu retorno para este fim de semana. A viagem, ainda de acordo com a assessoria, estava programada desde janeiro. 

Fonte: O Antagonista 

Comente

Chuvas deslocam adutora e interrompem abastecimento de 3 cidades do RN

28/02/2021

Chuvas no RN em 2021

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) esteve trabalhando, neste sábado (27), no conserto da adutora que atende as cidades de Coronel Ezequiel, Jaçanã e Campo Redondo. O equipamento deslocou após as últimas chuvas, com isso o fornecimento de água para estas cidades está suspenso. A previsão da Caern é que o serviço fosse concluído até o início da noite, quando a distribuição de água será retomada. O prazo para que todos os imóveis estejam plenamente abastecidos é de até 48h após o conserto. 

Fonte: Portal Grande Ponto 

Comente

Primeiro satélite 100% brasileiro é lançado com sucesso na Índia

28/02/2021

100% Brasileiro

Em apenas 17 minutos após o lançamento, ocorrido à 1h54 (horário de Brasília), o satélite Amazonia 1 alcançou o destino a 752 quilômetros de altitude da superfície da Terra. O lançamento ocorreu a partir do Centro Espacial Satish Dhawan, na cidade de Sriharikota, na província de Andhra Pradesh, na Índia, e marcou dois avanços tecnológicos do país: o domínio completo do ciclo de desenvolvimento de um satélite - conhecimento dominado por apenas vinte países no mundo - e a validação de voo da Plataforma Multimissão (PMM), que funciona como um sistema adaptável modular que pode ser configurado de diversas maneiras para cumprir diferentes objetivos. A afirmação foi feita por Mônica Rocha, diretora substituta do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). 

O lançamento do satélite - fruto de uma parceria entre o programa espacial brasileiro e a Índia - foi comemorado na madrugada de hoje (28) por técnicos, engenheiros e demais membros da equipe de desenvolvimento tecnológico do equipamento. O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes, acompanhou diretamente do centro de controle da missão na Índia, e fez questão de reafirmar a parceria entre os dois países. “Este momento representa o ápice desse esforço [de desenvolvimento do projeto], feito por tantas pessoas. Esse satélite tem uma missão muito importante para o Brasil. Essa parceria [entre Brasil e Índia] vai crescer muito. Portanto, muito obrigado pelo lindo lançamento, lindo foguete e por todo o esforço. As bandeiras [da índia e do Brasil] representam exatamente o que estamos fazendo aqui hoje: uma relação cada vez mais forte”, discursou o ministro para a equipe indiana após o anúncio do sucesso da missão. 

“Estou extremamente satisfeito em declarar o sucesso do lançamento preciso do Amazonia 1 hoje. Nesta missão, a Índia e a ISRO [agência espacial indiana] estão extremamente honradas e felizes em lançar o primeiro satélite operado pelo Brasil. Minhas sinceras congratulações ao time brasileiro por essa conquista. O satélite está em órbita, os painéis solares se abriram e está tudo funcionando muito bem", afirmou o presidente da ISRO, K. Sivan ao final da operação. 

TV Brasil acompanhou todas as etapas do lançamento em um programa especial com entrevistas, comentários e curiosidades sobre o Amazonia 1 e a nova etapa do programa espacial brasileiro. 

O Amazonia 1 foi desenvolvido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB) - órgãos ligados ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações. 

Agência Brasil 

Comente

Matéria-prima para produzir 12 milhões de doses de vacina chega ao Brasil

28/02/2021

Covid-19

Uma remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) suficiente para produzir 12,2 milhões de doses de vacina contra a covid-19 chegou hoje (27) ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão/Tom Jobim). 

O material veio em um avião procedente da China e será encaminhado à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) ainda hoje. 

O produto será processado pelo Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz), que produzirá os mais de 12 milhões de doses de vacina AstraZeneca/Oxford. 

Esse é o segundo lote de IFA que chega para a Fiocruz. Em 6 de fevereiro, já havia chegado um lote suficiente para produzir 2,8 milhões de doses, que ainda estão sendo processados pela Fiocruz. 

Os 15 milhões de doses serão entregues ao Programa Nacional de Imunizações, para serem posteriormente distribuídos para os estados e municípios. 

Até junho, a Fiocruz estima receber lotes de IFA suficiente para produzir 100,4 milhões doses de vacina. 

Além do IFA, a Fiocruz também recebeu 4 milhões de doses prontas da vacina AstraZeneca/Oxford e deve receber mais 8 milhões nos próximos meses. 

Agência Brasil 

Comente